Medicina Especialidade Anestesiologia

Paciente, 23 anos de idade, comparece ao consultório ginecológico com queixa de úlcera vulvar indolor. Nega trauma local. Há dois dias, apresenta febre de cerca de 38 ºC. Ao ser indagada, relata relação sexual desprotegida há duas semanas. Ao exame físico, percebe-se bom estado geral, afebril, além de lesão ulcerada na fúrcula vaginal, única, região inguinal com adenomegalia dolorosa, drenando secreção purulenta espontaneamente por múltiplos orifícios.

No caso clínico apresentado o diagnóstico mais provável é

  • A. cancro mole.
  • B. cancro duro.
  • C. úlcera de Lipschutz.
  • D. linfogranuloma venéreo.
  • E. donovanose.