Medicina Especialidade Psiquiatria

Leia os quadros clínicos abaixo dos pacientes A e B para responder às questões 14 e 15.

Paciente A: Sexo feminino, 28 anos. Há dois meses com delírios persecutórios e alucinações auditivas, estando há oito meses com crenças “estranhas”, de acordo com os familiares. Não há histórico de transtorno de humor, alterações orgânicas ou alterações do desenvolvimento.

Paciente B: Sexo masculino, 16 anos. Há um mês com discurso e comportamento desorganizado, estando há sete meses com diminuição da volição e afastado da escola. Não há histórico de transtorno de humor, alterações orgânicas ou alterações do desenvolvimento.

Pode-se afirmar que é fator de melhor prognóstico

  • A.

    o fato de o paciente B ser do sexo masculino.

  • B.

    o fato de o paciente B ter apresentado predominância de comportamento desorganizado.

  • C.

    o fato de o paciente B ter apresentado sintomas negativos.

  • D.

    o fato de a paciente A ser do sexo feminino.

  • E.

    o fato de a paciente A ter transtorno psicótico breve.