Medicina Especialidade Psiquiatria

Paciente, sexo masculino, 21 anos de idade, foi levado ao psiquiatra por vir apresentando comportamentos incomuns. Ele conta objetos, lava as mãos e controla as fechaduras da casa compulsivamente, apresenta pensamentos obsessivos acerca de contaminação com germes e, às vezes, tem um tique facial. Conta que os pais informaram que ele havia tido episódios semelhantes na infância, mas de curta duração. O episódio atual já dura um mês e meio. Nega outras queixas ou uso de substâncias.

Com base no caso clínico apresentado, julgue os itens a seguir.

Pacientes com esse transtorno e com tiques, com história familiar de tiques e com sintomatologia mais grave parecem responder melhor quando estabilizadores do humor são associados ao tratamento.
  • C. Certo
  • E. Errado