O maestro e compositor brasileiro Heitor Villa-Lobos (1887-1959) é reconhecido por sua extensa obra, que inclui sinfonias, choros, concertos, música de câmera etc. Sua obra destacase, ainda, por apresentar uma linguagem peculiarmente brasileira, com nuances das culturas regionais e elementos de canções populares e indígenas. Na década de 1930, propôs e implantou um plano de educação musical nas escolas, conhecido como:
  • A. Manossolfa
  • B. Euritmia
  • C. Método Kodály
  • D. Canto Orfeônico
  • E. Educação para o talento