O processo grupal no atendimento terapêutico ocupacional requer do profissional um papel de liderança, de facilitador do processo. É INCORRETO afirmar que é condição da liderança nesse processo

  • A.

    idealizar as atividades que apresentam um envolvimento máximo do grupo através da ação nele centrada.

  • B.

    ser ativo para escutar e atender as demandas do grupo, observando os meios para encorajar os pacientes a buscarem soluções para os problemas.

  • C.

    manter a sensação de identidade individual e do grupo, atendendo as diferenças e necessidades individuais.

  • D.

    tomar decisões pelo grupo para um melhor acolhimento e segurança deste.

  • E.

    contemplar a reestruturação dos problemas como algo positivo.