Questão 439274

Termorio S.A 2009

Cargo: Economista Júnior / Questão 1

Banca: Fundação CESGRANRIO (CESGRANRIO)

Nível: Superior

“A grandiosidade do conhecimento” para o ser humano está em

  • A.

    fazer com que este busque, cada vez mais, conquistar seu espaço na sociedade.

  • B.

    fazer com que perceba que, sem conhecimento, não terá sucesso profissional.

  • C.

    avaliar a capacidade de superar limites quanto às conquistas sociais.

  • D.

    testar sua capacidade de conquista.

  • E.

    impulsionar a vida, conjugando saber com prazer.

Questão 439275

Termorio S.A 2009

Cargo: Economista Júnior / Questão 2

Banca: Fundação CESGRANRIO (CESGRANRIO)

Nível: Superior

Em relação às ideias do Texto I, é correto afirmar que a

  • A.

    pressão social leva o homem ao aprimoramento técnico e mental.

  • B.

    valorização do conhecimento está relacionada à sua significância para o homem.

  • C.

    aquisição de conhecimento depende do grau de equilíbrio de cada um.

  • D.

    aquisição de conhecimento nem sempre opera mudança na vida do ser humano.

  • E.

    busca obsessiva de conhecimento é uma contingência do mundo moderno para o crescimento social.

Questão 439276

Termorio S.A 2009

Cargo: Economista Júnior / Questão 3

Banca: Fundação CESGRANRIO (CESGRANRIO)

Nível: Superior

Em “...que tem imputado àqueles que se empenham...” (l.18-19), ocorre o acento grave, indicativo da crase, no vocábulo destacado. Assinale a opção cujo “a” também deve receber o acento grave, indicativo da crase.

  • A.

    Referiu-se a busca exagerada por conhecimento.

  • B.

    Dia a dia buscava informações diversas.

  • C.

    Nada falava a respeito da valorização do saber.

  • D.

    O conhecimento atinge a todos.

  • E.

    O equilíbrio é necessário a quem busca o saber.

Questão 439277

Termorio S.A 2009

Cargo: Economista Júnior / Questão 4

Banca: Fundação CESGRANRIO (CESGRANRIO)

Nível: Superior

Assinale a opção em que há ERRO de pontuação.

  • A.

    Pensando no que você me disse, resolvi, agora, agir.

  • B.

    Chegou, porém, à conclusão de que ele não a fazia feliz.

  • C.

    Só tinha um único pensamento: viver os momentos intensamente.

  • D.

    Ela, chorando de alegria, entendeu o que é a verdadeira felicidade.

  • E.

    O estado mágico, a alegria e o sonho, fazem bem à alma.

Questão 439278

Termorio S.A 2009

Cargo: Economista Júnior / Questão 5

Banca: Fundação CESGRANRIO (CESGRANRIO)

Nível: Superior

Segundo o Texto II, quem fica em evidência no ato de falar mal é o(a)

  • A.

    alvo da crítica.

  • B.

    teor da crítica.

  • C.

    autor da crítica.

  • D.

    autocompensação provocada pela crítica feita.

  • E.

    repercussão da crítica para o objeto criticado.

Questão 439279

Termorio S.A 2009

Cargo: Economista Júnior / Questão 6

Banca: Fundação CESGRANRIO (CESGRANRIO)

Nível: Superior

Ao falar mal do outro, falo mal de mim mesmo porque

  • A.

    evidencio minha imparcialidade crítica.

  • B.

    deixo entrever, com a crítica feita, meus traços negativos.

  • C.

    torno evidente minha supremacia em relação ao outro.

  • D.

    denuncio uma característica negativa desse outro.

  • E.

    comprovo minha capacidade de avaliação crítica.

Questão 439280

Termorio S.A 2009

Cargo: Economista Júnior / Questão 7

Banca: Fundação CESGRANRIO (CESGRANRIO)

Nível: Superior

Segundo o Texto II, a “autocompensação” é ilusória porque

  • A.

    não tem, muitas vezes, a repercussão esperada por quem critica.

  • B.

    atinge somente quem é criticado.

  • C.

    ressalta positivamente a intenção da pessoa que faz a crítica.

  • D.

    provoca uma falsa sensação de supremacia em quem critica.

  • E.

    aumenta o contraste entre quem faz a crítica e quem é criticado.

Questão 439281

Termorio S.A 2009

Cargo: Economista Júnior / Questão 8

Banca: Fundação CESGRANRIO (CESGRANRIO)

Nível: Superior

O vocábulo destacado está em DESACORDO com o registro culto e formal da língua, quanto à flexão de gênero ou número, em

  • A.

    Havia menas ilusões no seu comportamento.

  • B.

    É necessário calma para falar do outro.

  • C.

    Entre mim e você há divergências bastantes.

  • D.

    Ela permanecia meio preocupada consigo mesma.

  • E.

    Como falavam mal de todos, ficavam sós.

Questão 439282

Termorio S.A 2009

Cargo: Economista Júnior / Questão 9

Banca: Fundação CESGRANRIO (CESGRANRIO)

Nível: Superior

“Porém aquele que fala, mal ou bem, sempre fala de si mesmo.” (l. 4-5).

Por qual conector a conjunção destacada acima pode ser substituída sem que haja alteração de sentido?

  • A.

    Logo.

  • B.

    Pois.

  • C.

    Entretanto.

  • D.

    Porquanto.

  • E.

    Quando.

Questão 439283

Termorio S.A 2009

Cargo: Economista Júnior / Questão 10

Banca: Fundação CESGRANRIO (CESGRANRIO)

Nível: Superior

As razões _________ não simpatizo com você são muitas.

Não faça críticas negativas, _________ se arrependerá.

O que eu disser poderá ser _________ interpretado.

A opção cuja sequência completa, corretamente, as sentenças acima é

  • A.

    por quê – senão – mal

  • B.

    por que – senão – mal

  • C.

    porquê – se não – mal

  • D.

    porque – se não – mau

  • E.

    porque – senão – mau