CINCATARINA - Analista Técnico - Área: Farmacêutico - 2020
Questão 2
2
Q1211575
Língua Portuguesa Pressupostos e subentendidos
Atalhos
Compartilhar
Ano: 2020
Banca: Fundação de Estudos e Pesquisas Socioeconômicos - FEPESE
Prova: FEPESE - CINCATARINA - Consórcio Interfederativo Santa Catarina - CINCATARINA - Analista Técnico - Área: Advogado

Texto 1

Reforma da Previdência: o que muda para os trabalhadores do setor privado

A principal mudança é a fixação de uma idade mínima para a aposentadoria, de 65 anos para homens e 62 anos para mulheres, e o fim da possibilidade de aposentadoria somente por tempo de contribuição.

Até então, era possível se aposentar tanto por idade quanto por tempo de contribuição. A idade mínima era de 65 anos para homens e 60 anos para mulheres, com um tempo mínimo de contribuição de 15 anos.

Antes, quem quisesse se aposentar com menos idade, poderia fazê-lo desde que o tempo de contribuição fosse de 30 anos para mulheres e 35 anos para homens. Isso não é mais possível.

Com a reforma da previdência, o tempo mínimo de contribuição passa a ser de 15 anos para as mulheres e de 20 anos para os homens. Caso uma pessoa atinja a idade mínima para se aposentar (65 anos para homem e 62 anos para mulheres), mas não tenha o tempo mínimo de contribuição necessário, ela se aposentará com um salário mínimo.

Outra mudança importante estabelecida com a reforma da previdência foi no valor da aposentadoria a partir da média de todos os salários, em vez de permitir a exclusão das 20% menores contribuições.

A reforma também eleva as alíquotas de contribuição para quem ganha acima do teto do INSS (hoje em R$ 5.839,00) e estabelece regras de transição para os trabalhadores em atividade.

Cumprida a regra de idade, a aposentadoria será de 60% com o mínimo de 15 anos de contribuição. Cada ano a mais eleva o benefício em dois pontos percentuais, chegando a 100% para mulheres com 35 anos de contribuição e para homens com 40 anos de contribuição.

Disponível em: https://www.infomoney.com.br/economia/ o-que-muda-na-sua-aposentadoria-com-a-reforma-da-previdencia/ Acesso em: 13 de nov. de 2019. [Fragmento adaptado].

Com base no texto 1, é correto afirmar que:

A

as novas regras de aposentadoria valem igualmente para homens e mulheres que vão entrar no mercado de trabalho a partir de 2020.

B

com a nova previdência, o cálculo do valor da aposentadoria levará em conta a média de todos os salários recebidos pelo trabalhador.

C

a partir de agora, com a reforma da previdência, as regras para os funcionários públicos passam a ser iguais às dos trabalhadores do setor privado.

D

existe um teto do INSS para a aposentadoria, exceto se o trabalhar pagar um pedágio de 100% sobre a média de seu salário.

E

na regra anterior à reforma, a idade mínima era de 60 anos para homens e 55 anos para mulheres, sem exigência de tempo mínimo de contribuição.