Questões de Concurso de Amapá - Atualidades e Conhecimentos Gerais

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão de Concurso - 1010396

Concurso Professor - Área: Educação Infantil 2018

Questão 42

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

Os litígios fronteiriços entre a região do Amapá e a Guiana Francesa tiveram desfecho com
  • A. o Tratado de Utrecht de 1713, que definiu as fronteiras entre os territórios portugueses e franceses na América.
  • B. os tratados de Madrid de 1750 e de Santo Idelfonso de 1777, que definiram grande parte das fronteiras atuais do Brasil.
  • C. a devolução da região aos franceses em 1817, depois que D. João VI mandara invadir a Guiana em 1809.
  • D. o resultado da arbitragem suíça de 1900, conseguida com a atuação do Barão do Rio Branco.
  • E. os acordos do governo de Getúlio Vargas com as autoridades francesas instaladas na Guiana Francesa.

Questão de Concurso - 912385

Concurso PC AP Delegado de Polícia 2017

Questão 10

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

A história da fundação da vila na localidade de Macapá, no período colonial, está diretamente relacionada
  • A. à chegada de milhares de “deportados” no território brasileiro, enviados pela Coroa Portuguesa a fim de constituírem pequenos núcleos autônomos de povoamento, sendo um deles fundado em Macapá.
  • B. ao combate aos numerosos quilombos que ali foram constituídos por escravos de outras regiões, razão pela qual se construiu uma Intendência que servia de base para as capturas e cujo marco central era um pelourinho.
  • C. às entradas e bandeiras que foram abundantes no período e levaram bandeirantes paulistas a se enveredarem pelo norte do Brasil, onde acharam minérios e fundaram vilas, a exemplo da Vila de São José do Macapá.
  • D. à preocupação, por parte da Coroa Portuguesa, em ocupar o território mediante a construção de fortes e vilas em locais estratégicos, a exemplo da Fortaleza de São José do Macapá.
  • E. ao empenho dos jesuítas em construírem missões exploratórias no Novo Mundo, razão pela qual se instalaram em Macapá e lá passaram a usar mão de obra indígena para extrair e exportar o pau-brasil para Portugal.

Questão de Concurso - 912386

Concurso PC AP Delegado de Polícia 2017

Questão 11

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

Sobre a Serra do Tumucumaque é correto afirmar que
  • A. é parte do planalto das Guianas e se caracteriza pela presença de rochas antigas do período pré-Cambriano.
  • B. apresenta altitude superior a mil metros devido aos movimentos orogenéticos observados no período Terciário.
  • C. representa um dos principais locais de origem das nascentes dos afluentes da margem esquerda do Amazonas.
  • D. faz parte da depressão norte amazônica e teve sua origem no soerguimento de sedimentos antigos do Mesozoico.
  • E. constitui uma grande extensão de terras altas localizadas na porção mais oriental do Escudo das Guianas.

Questão de Concurso - 1213262

Concurso ALE AP Analista Legislativo - Área: Atividade Legislativa - Especialidade: Técnico Legislativo 2019

Questão 18

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

Atenção: As questões de números 18 a 20 referem-se à História do Amapá.

Conforme a Constituição Federal de 1967, durante o período do regime militar, o governo do território do Amapá deveria ser constituído por

  • A.

    um interventor federal indicado pelo Ministério do Interior.

  • B.

    um general escolhido pela Assembleia estadual e referendado pelo Congresso nacional.

  • C.

    uma junta militar nomeada pela alta cúpula das Forças Armadas.

  • D.

    um representante eleito, no Pará, por meio de eleições indiretas.

  • E.

    um governador nomeado pelo Presidente da República, depois de aprovado pelo Senado.

Questão de Concurso - 1181545

Concurso IAPEN AP Educador Social Penitenciário 2018

Questão 18

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Médio

No sexto levantamento sobre a safra amapaense para 2018, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) manteve a previsão de crescimento de 6,8% em relação ao obtido no ano passado para cereais, leguminosas e oleaginosas. Segundo a expectativa, a colheita neste ano deve alcançar 62,6 mil toneladas, das quais, 58 mil toneladas de um único produto.

A área plantada no Estado também deve crescer na mesma proporção, com expansão de 6%. Em relação aos grãos, o Amapá terá colheita superior a Estados como Rio de Janeiro, Espírito Santo e Amazonas.
(Adaptado de: https://g1.globo.com. Acessado em: 26.out.2018)

O produto com maior colheita é

  • A.

    o milho que tem oferecido bom lucro aos agricultores.

  • B.

    a mandioca que tem expandido a área cultivada.

  • C.

    a soja que ocupa a maior área cultivada do Estado.

  • D.

    a cana-de-açúcar que é cultivada próxima ao litoral.

  • E.

    o feijão que tem parte da produção destinada à exportação.

Questão de Concurso - 1007342

Concurso Sociólogo 2018

Questão 11

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

Considere as afirmações abaixo sobre a chamada “República de Cunami”.

I. Foi a primeira denominação colonial do Amapá, que remetia à presença abundante, naquela região, do peixe cunami, hoje mais conhecido como tucunaré.

II. Tratou-se de uma tentativa de oficialização de um suposto “estado livre” por iniciativa do comerciante francês Jules Gros, com duração de poucos anos.

III. Foi uma iniciativa não oficial e controversa, extinta pelo próprio governo francês, mas houve uma tentativa de retomada do projeto, anos depois, pelo comerciante Adolph Brezet, com apoio de alguns empreendedores brasileiros.

IV. Resultou de um projeto expansionista do governo francês que pretendia incorporar parte do Amapá ao território da Guiana Francesa, transferindo a capital desta para a “Vila de Cunami”, na atual Macapá, onde se instalaria um governo democrático e republicano.

Está correto o que se afirma APENAS em

  • A. I, II e III.
  • B. II e IV.
  • C. II e III.
  • D. I, III e IV.
  • E. I e IV.

Questão de Concurso - 1007344

Concurso Sociólogo 2018

Questão 13

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

O território do Amapá foi criado em um contexto de centralização político-administrativa e ideologia nacionalista. A Carta constitucional que determinou a existência de Territórios Federais indicou que estes
  • A. estavam desvinculados dos antigos estados aos quais pertenciam até então e deveriam adotar leis soberanas e autônomas, ainda que em desacordo com a Constituição Federal.
  • B. precisavam ser protegidos por tropas especiais das Nações Unidas, de modo que as fronteiras fossem fechadas à imigração e ao comércio local, a fim de dirimir o caos social e garantir a segurança do país.
  • C. podiam se fundir em uma única unidade federativa de forma a constituir um distrito federal forte do ponto de vista político e econômico, ainda que descentralizado geograficamente.
  • D. eram criados em nome da defesa nacional, a partir de partes desmembradas de estados (unidades federativas) já existentes, com administração regulada por Lei Especial.
  • E. seriam novamente reincorporados aos estados aos quais haviam pertencido, caso não se cumprissem a curto prazo algumas metas de desenvolvimento econômico e populacional fixadas por leis federais.

Questão de Concurso - 1007345

Concurso Sociólogo 2018

Questão 14

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

O Tratado de Amiens (1802), que envolveu as potências europeias em luta contra Napoleão Bonaparte, teve impacto no contexto de disputas entre França e Portugal em relação ao território atual do Amapá, ao determinar que as fronteiras entre as possessões francesas e portuguesas seriam
  • A. negociadas a longo prazo entre França e Portugal, em função do histórico de ocupação de cada país na região e da predominância de habitantes de uma ou de outra nacionalidade em cada parte do território.
  • B. definidas pelo Rio Araguari, cabendo o território ao norte para os franceses e ao sul para os portugueses, com navegação livre pelo mesmo rio para os barcos de ambos países.
  • C. estipuladas definitivamente por uma arbitragem internacional, uma vez que os dois países não conseguiam chegar a um consenso sobre a fatia do território que correspondia a cada nação.
  • D. demarcadas pelo curso do rio Caciporé, ao norte do qual ficaria assegurada a parte a ser anexada à Guiana Francesa, cabendo a Portugal o domínio do resto do território.
  • E. estabelecidas pela Inglaterra que, interessada em firmar um acordo de paz com a França, reconhecia que esse país, juntamente com a Espanha, deveria ter a posse do Amapá, pelos esforços colonizatórios empreendidos.

Questão de Concurso - 1013253

Concurso Educador Social 2018

Questão 11

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Médio

O significado do nome “Macapᔠremete
  • A. à língua tupi e aos indígenas nativos da região, homenageados em alguns espaços museográficos da cidade, a exemplo das casas dos índios Palikur e Waiãpi que se encontram no Museu Sacaca.
  • B. à língua geral e à forma como os missionários franceses batizaram a capital, criando uma língua híbrida que ainda é perceptível nos nome dos principais bairros da cidade.
  • C. às características da flora da região e à presença de povos indígenas, principalmente os Tucujus, homenageados no emblema presente na bandeira do Amapá.
  • D. à língua castelhana, uma vez que foram os espanhóis os primeiros a batizarem a cidade e a exterminarem os Karipunas, o maior grupo indígena local, de forma a não haver, na atualidade, descendentes das populações originárias, na região.
  • E. à deturpação da língua indígena pelos portugueses, que criaram palavras a partir do que julgavam escutar mas valorizavam os povos nativos, cuja cultura passou a ser preservada em museus, como o centenário Museu do Índio, em Macapá.

Questão de Concurso - 1013254

Concurso Educador Social 2018

Questão 12

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Médio

A história do Amapá, desde a fundação de Macapá até o final do século XIX, foi marcada
  • A. pelo empenho das autoridades locais na constante defesa da cidade contra os ataques de corsários, uma vez que sua localização era estratégica para as exportações da região norte e seu solo era rico em ouro, bronze e prata.
  • B. por conflitos fronteiriços e litígios internacionais que demandaram esforços de Portugal e depois, da diplomacia brasileira para defender, fundamentados documentos históricos e mapas, a posse do território.
  • C. por sucessivas fundações e refundações dessa cidade, uma vez que a colonização da região, e, mais especificamente, o povoamento do Amapá, foi abandonado com a expulsão dos jesuítas.
  • D. por sangrentas batalhas entre povos indígenas que dominavam o território, a exemplo da Guerra da Lagosta, uma vez que esses povos se aliaram aos franceses em resistência aos projetos de colonização portuguesa.
  • E. pelo crescimento populacional linear e constante uma vez que a cidade, ainda no período colonial, se tornou um forte pólo migratório das regiões norte e nordeste, dadas as oportunidades econômicas provenientes da mineração e da exploração da borracha.