Questões de Concurso de Doenças Respiratórias - Enfermagem

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão de Concurso - 986357

Concurso EBSERH Enfermeiro - Área Saúde da Criança 2018

Questão 72

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

A asma é uma das afecções crônicas mais comuns que afeta tanto crianças como adultos. Acerca desse assunto, julgue os itens a seguir. Tosse relacionada com virose respiratória é uma manifestação clínica sugestiva de asma, pois a virose é um desencadeador do broncoespasmo.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 812274

Concurso TCE PA Auditor de Controle Externo - Área Administrativa - Especialidade: Enfermagem 2016

Questão 92

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

Julgue os itens a seguir, relativos ao atendimento a pacientes em situações de urgência e emergência. Na avaliação de insuficiência respiratória aguda em adultos, um caso é considerado suspeito da doença quando o paciente apresenta dificuldade respiratória ou alteração de ritmo e(ou) frequência ventilatória de início súbito e de gravidade variável.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 1201998

Concurso Enfermeiro Plantonista 2019

Questão 45

Instituto AOCP

Nível Superior

Paciente sexo masculino, 60 anos, está internado na clínica médica com quadro de DPOC. A Enfermeira do setor realizou o diagnóstico de enfermagem: Troca de gases prejudicada evidenciada por batimento de asas de nariz, relacionado a desequilíbrio na relação ventilação-perfusão. Com base nesse diagnóstico, uma das intervenções mais adequadas pode ser

  • A.

    estado respiratório: troca de gases.

  • B.

    controle da pressão sobre áreas do corpo.

  • C.

    monitorização respiratória.

  • D.

    habilidades de interação social.

  • E.

    equilíbrio de líquidos.

Questão de Concurso - 1212345

Concurso SES GO Residência em Enfermagem Obstetrícia 2019

Questão 41

Universidade Federal do Goiás (UFG)

Nível Superior

Leia o caso clínico a seguir.

E.C.R., admitida na clínica médica com sibilância, dispneia, desconforto torácico e tosse que pioram à noite e no início da manhã.

Nesse caso, qual é a suspeita diagnóstica para essa paciente?

  • A.

    Asma.

  • B.

    Doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC).

  • C.

    Rinite alérgica.

  • D.

    Síndrome de angústia respiratória aguda (SARA).

Questão de Concurso - 1159828

Concurso Analista de Saúde - Área Enfermagem 2019

Questão 22

Instituto de Consultoria e Concursos (ITAME)

Nível Superior

As doenças respiratórias crônicas são doenças crônicas tanto das vias aéreas superiores como das inferiores. A maioria dessas doenças são preveníveis e incluem a asma, a rinite alérgica e a doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC), representando um dos maiores problemas de saúde mundial. Diante do exposto, a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) descreve como doença de maior prevalência entre as doenças respiratórias crônicas e problema global de saúde pública, acometendo cerca de 20 a 25% da população em geral, a:

  • A.

    Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica - DPOC

  • B.

    Asma

  • C.

    Bronquiolite

  • D.

    Rinite Alérgica

Questão de Concurso - 1011350

Concurso CLDF Consultor Técnico-Legislativo - Área Enfermeiro 2018

Questão 38

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

Uma mulher de 36 anos, após um procedimento cirúrgico, apresentou insuficiência respiratória devido à falha na oxigenação. Esse tipo de insuficiência respiratória é denominada
  • A. hipocalêmica.
  • B. hipernatrêmica.
  • C. alcalose metabólica.
  • D. acidose metabólica.
  • E. hipoxêmica.

Questão de Concurso - 1162520

Concurso SESAB Residência em Enfermagem 2018

Questão 50

Fundação CEFETBAHIA / Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (CEFETBAHIA)

Nível Superior

A gravidade da Síndrome do Desconforto Respiratório Agudo (SDRA), normalmente, implica a necessidade de suporte ventilatório para promover troca gasosa adequada e diminuir o trabalho respiratório que se associa a esse quadro com lesão pulmonar (HIRSCHHEIMER et al, 2013, p.361).

Considerando o tratamento da SDRA, é correto afirmar que

  • A.

    o nível de FiO2 deve ser superior a 0,60 (baixos níveis podem ocasionar a atelectasia por não absorção).

  • B.

    com a evolução do tratamento, novas técnicas ventilatórias foram empregadas, aumentando a lesão pulmonar e a mortalidade.

  • C.

    o volutrauma desencadeia mais o mecanismo de liberação de mediadores inflamatórios e translocação bacteriana do que o atelectrauma, com aumento da morbimortalidade.

  • D.

    dos vários modos pelos quais o suporte ventilatório pode estar associado à lesão pulmonar, pode-se citar: baixos níveis de fração inspiradas de O2 (lesão oxidativa) e altos níveis de pressão aplicada nas vias aéreas durante o suporte ventilatório.

  • E.

    no decorrer do tempo, no tratamento dessa síndrome, foi instituído o suporte ventilatório invasivo, com pressões ventilatórias crescentes, associando assim a mais lesão pulmonar e maior mortalidade.

Questão de Concurso - 1158518

Concurso UFPE Técnico em Enfermagem 2018

Questão 49

Universidade Federal do Pernambuco (UFPE)

Nível Médio

Sobre os cuidados de enfermagem nas disfunções respiratórias, assinale a alternativa correta.

  • A.

    É importante remover as secreções retidas, de forma mecânica, independentemente da condição em que se encontra o paciente, para facilitar a troca gasosa.

  • B. A tosse precisa ser iniciada através de estímulos para direcionar a umidificação das secreções.
  • C.

    O uso de máscara facial com alta umidade libera o ar quente e umidificado para a árvore brônquica, ajuda a liquefazer as secreções e alivia a irritação traqueal.

  • D.

    O técnico de enfermagem delibera, de forma efetiva, a necessidade de se administrar e ajustar a terapia com oxigênio.

  • E.

    É importante manter o repouso do paciente no leito a maior parte do tempo, respeitando a posição de Sim’s para facilitar a drenagem de secreções.

Questão de Concurso - 1160719

Concurso UFPE Enfermeiro 2018

Questão 55

Universidade Federal do Pernambuco (UFPE)

Nível Superior

As doenças respiratórias crônicas (DRC), são responsáveis por grande número de internações hospitalares e atendimentos de saúde não programados ou de urgência, além de provocar alterações funcionais importantes nos indivíduos, podendo desta forma interferir diretamente na qualidade de vida e na percepção de saúde das pessoas acometidas. Sobre as DRC, leia as afirmações abaixo.

1) A asma é a DRC mais comum durante a gestação. É importante que as mulheres asmáticas sejam esclarecidas sobre os riscos da asma no período da gravidez, pois essa associação aumenta os riscos de complicações, como o aumento da mortalidade perinatal, placenta prévia, pré-eclampsia, parto prematuro, anomalias congênitas e baixo peso ao nascer.

2) São fatores de risco para doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC): tabagismo, poluição domiciliar, exposição ocupacional a poeiras e produtos químicos ocupacionais, Infecções respiratórias recorrentes na infância, suscetibilidade individual, desnutrição na infância e deficiências genéticas.

3) Os medicamentos broncodilatadores são a principal classe para o tratamento da DPOC. Eles podem ser administrados tanto de forma regular como para alívio sintomático, se necessário. Os efeitos colaterais, bem como a toxicidade, são dose-dependentes e tendem a ser menores na forma inalatória.

4) O tabagismo é uma dependência química à droga nicotina. Essa droga estimula a descarga de dopamina no sistema de recompensa cerebral, proporcionando sensação de prazer imediatamente após a inalação da fumaça, o que leva à repetição do uso e à instalação da dependência química. Como ocorre em qualquer outra dependência, ao tentar deixar de fumar, o paciente poderá ter sintomas da síndrome de abstinência (irritabilidade, ansiedade, depressão, falta de concentração, tonturas, cefaleia e distúrbios do sono).

Estão corretas:

  • A.

    1, 2, 3 e 4.

  • B.

    1 e 3, apenas.

  • C.

    2, 3 e 4, apenas.

  • D.

    1, 3 e 4, apenas.

  • E.

    3 e 4, apenas.

Questão de Concurso - 1171445

Concurso UFCE Residência em Enfermagem 2018

Questão 60

Universidade Federal do Ceará (UFCE)

Nível Superior

Um homem de 72 anos procurou o hospital com queixa de intensa falta de ar. Ele refere ter abandonado seu tratamento para Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) há 6 meses e que mantém seu hábito tabagista, fumando cerca de 40 maços/ano. Ao exame físico, o enfermeiro identificou: FR=37rpm, FC=120bpm, respiração com lábios franzidos, assumindo posição de três pontos e utilizando musculatura acessória para respirar. Avalie as assertivas abaixo e assinale o item correto acerca da fisiopatologia, manifestações clínicas e tratamento da Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica.

  • A.

    As anormalidades das trocas gasosas decorrentes da DPOC fazem com que os pacientes frequentemente apresentem hipoxemia e hipocapnia.

  • B.

    Pacientes com DPOC tendem a apresentar um padrão de constante hiperinsuflação pulmonar, que ocorre devido à incapacidade destes pacientes em exalar o ar inspirado, provocando um constante aprisionamento aéreo.

  • C.

    A oxigenoterapia consiste na principal intervenção farmacológica para o tratamento da DPOC, sendo recomendado utilizar dispositivos de alto fluxo de oxigênio, com vistas a alcançar valores de saturação de oxigênio arterial (SpO2) de, no mínimo, 95%.

  • D.

    Devido às manifestações clínicas da doença, pacientes com DPOC, sobretudo aqueles com enfisema pulmonar, tendem a apresentar deformidades na configuração do tórax representadas por uma característica de protrusão do esterno, classificada como pectus carinatum.