Questões de Concurso de Tuberculose - Enfermagem

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão de Concurso - 1202220

Concurso EBSERH Técnico em Enfermagem 2019

Questão 42

Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP)

Nível Médio

A tuberculose continua sendo uma epidemia em grande parte do mundo, causando a morte de quase um milhão e meio de pessoas a cada ano, principalmente em países em desenvolvimento. Embora seja uma doença passível de ser prevenida, tratada e curada, ainda mata cerca de 4,4 mil pessoas todos os anos no Brasil (MS, 2019). Frente a essa situação, o município adotou, como uma das estratégias para o controle dessa doença, a busca ativa de sintomáticos respiratórios, ou seja, indivíduos que apresentem tosse

  • A.

    e febre por, pelo menos, cinco dias consecutivos.

  • B.

    por três semanas ou mais.

  • C.

    com expectoração de cor esverdeada há pelo menos sete dias.

  • D.

    seca e febre acima de 38,5ºC, há mais de sete dias.

  • E.

    com expectoração amarela há, pelo menos, dez dias.

Questão de Concurso - 833646

Concurso TJDFT Técnico Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Enfermagem 2015

Questão 65

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Médio

Acerca da assistência de enfermagem em saúde coletiva, julgue os itens subsequentes. A tuberculose extrapulmonar pode se expressar por formas disseminadas, como a miliar, ou por formas extrapulmonares, como a pleural, a ganglionar periférica, a osteoarticular, a geniturinária, a meningoencefálica, entre outras.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 781819

Concurso DEPEN Especialista em Assistência Penitenciária - Área Enfermagem 2015

Questão 86

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

Acerca do Programa de Prevenção e Controle da Tuberculose, julgue os itens subsequentes. Com relação às doenças de notificação compulsória, a lei prevê que as secretarias municipais e estaduais de saúde devem notificar e investigar os casos de doenças transmissíveis, entre as quais se inclui a tuberculose.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 1114127

Concurso

Questão 39

Nível

O Brasil está entre os 30 países de alta carga para Tuberculose (TB) e co-infecção pelo M. tuberculosis e HIV (TB-HIV), considerados prioritários pela Organização Mundial de Saúde para o controle da doença no mundo. A TB persiste como importante e desafiador problema no âmbito da saúde da população, sendo uma das enfermidades mais prevalentes entre as pessoas em situação de pobreza no mundo com elevada carga em termos de mortalidade, juntamente com o HIV/aids e a malária (Manual de Recomendações para o Controle da Tuberculose no Brasil-MS, 2018). Uma das estratégias de intervenção e controle da equipe de saúde em relação a essa doença é a educação permanente em saúde. Sobre as ações de educação permanente relacionadas à TB, analise as afirmativas indicando “V”, se verdadeira, ou “F”, caso falsa e, em seguida, escolha a alternativa que contém a sequência correta:

( ) Treinamentos e capacitações aos profissionais de saúde sobre a tuberculose devem incluir, principalmente, abordagem sobre a vacinação DTP.

( ) Deve-se aproveitar a oportunidade da vacinação para realizar educação em saúde voltada à prevenção da tuberculose.

( ) Analisar, periodicamente, os dados de cobertura da vacina DTP, criando estratégias para alcance e manutenção das metas propostas para cada ano.

( ) Capacitar periodicamente os vacinadores incluindo temas como a higienização das mãos; a conservação, dose e técnica correta para a administração subcutânea da vacina são cuidados muito importantes.

A sequência correta, obtida no sentido de cima para baixo, é:

  • A.

    V, V, V, F

  • B.

    V, F, V, V

  • C.

    F, V, F, V

  • D.

    F, V, F, F

  • E.

    V, F, F, F

Questão de Concurso - 989630

Concurso SES DF Enfermeiro - Área Família 2018

Questão 47

Instituto Americano de desenvolvimento (IADES)

Nível Superior

Além dos fatores relacionados ao sistema imunológico de cada pessoa, o adoecimento por tuberculose, muitas vezes, está ligado à pobreza e à má distribuição de renda. Considerando que alguns grupos populacionais possuem maior vulnerabilidade em razão das condições de saúde e de vida a que estão expostos, é correto afirmar que a população vulnerável com maior risco de adoecimento por tuberculose são os (as)
  • A. ribeirinhos.
  • B. indígenas.
  • C. pessoas em situação de rua.
  • D. pessoas que vivem com HIV/AIDS.
  • E. indivíduos privados de liberdade.

Questão de Concurso - 1106884

Concurso TJ PA Analista Judiciário - Área Enfermagem 2014

Questão 64

Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP)

Nível Superior

Trata-se de uma grave e importante doença; determina impacto social relevante por estar presente em todo o território nacional; os primeiros 6 a 12 meses pós-infecção constituem o período de maior risco; a transmissão ocorre enquanto o paciente elimina agente selvagem e sua transmissibilidade dependerá da quantidade de agente eliminado; o tratamento é peça chave no controle do problema.


A doença caracterizada é a(o)


  • A.

    tuberculose.

  • B.

    cólera.

  • C.

    febre tifoide.

  • D.

    tétano.

  • E.

    mal de Hansen.

Questão de Concurso - 1114360

Concurso Enfermeiro 2019

Questão 43

Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP)

Nível Superior

Após convocação, C.S., 42 anos, sexo masculino, compareceu à unidade básica de saúde, pois os resultados de seus exames confirmavam o diagnóstico de tuberculose pleural. Durante a consulta de enfermagem, após esclarecer as dúvidas do usuário, o enfermeiro o orientou sobre o esquema terapêutico adotado, devendo informar, entre outros itens, sobre as reações adversas mais frequentes dos medicamentos prescritos, entre eles a rifampicina, que pode ocasionar

  • A. suor e/ou urina de cor avermelhada.
  • B. diarreia e icterícia.
  • C. constipação e dor articular.
  • D.

    sensação de formigamento e perda de sensibilidade nos pés e prurido.

  • E.

    cefaleia e mudanças de comportamento como euforia e insônia.

Questão de Concurso - 501601

Concurso TRE PR Técnico Judiciário - Área Enfermagem 2011

Questão 60

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Médio

Na coleta de escarro espontâneo no domicílio, o profissional de enfermagem deve orientar o cliente portador de tuberculose para

  • A.

    realizar a coleta, preferencialmente, no período da noite.

  • B.

    inspirar superficialmente e, imediatamente, tossir e escarrar a saliva diretamente no pote.

  • C.

    coletar amostra do escarro, no pote, em quantidade necessária ao exame (5,0 a 10,0 mL).

  • D.

    manter a amostra do escarro em temperatura ambiente por um período máximo de 48 horas.

  • E.

    no dia anterior à coleta, restringir a hidratação por 24 horas.

Questão de Concurso - 499391

Concurso TRF 2 Analista Judiciário - Área Enfermagem do Trabalho 2011

Questão 32

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

A prova tuberculínica está indicada no auxílio diagnóstico da tuberculose por via

  • A.

    subcutânea, no terço inferior da face posterior do antebraço direito, na dose de 0,5 mL.

  • B.

    intradérmica, no terço superior da face anterior do antebraço direito na dose de 0,5 mL.

  • C.

    intradérmica, no terço médio da face anterior do antebraço esquerdo, na dose de 0,1 mL.

  • D.

    subcutânea, no terço médio da face posterior do braço direito, na dose de 0,1 mL.

  • E.

    intradérmica, no terço inferior da face anterior do antebraço esquerdo na dose de 0,5 mL.

Questão de Concurso - 1201912

Concurso Enfermeiro Plantonista do SAMU 2019

Questão 23

Instituto AOCP

Nível Superior

No que se refere à prevenção e ao controle de infecções hospitalares, são medidas essenciais diante de doenças transmitidas por aerossóis, como no caso da Tuberculose, as seguintes, EXCETO

  • A.

    quarto privativo com pressão negativa.

  • B.

    uso de máscara cirúrgica no paciente em caso de necessidade de transporte.

  • C.

    uso de máscara específica (PFF2 ou N95) pelo profissional de saúde ao entrar no quarto.

  • D.

    restringir e orientar visitas.

  • E.

    a utilização de luvas e aventais (estéreis) pelos profissionais para realizar procedimentos no paciente.