Língua Portuguesa Compreensão e Interpretação de Texto

A circunstância estabelecida entre as ideias de um texto, por meio da conjunção ou da locução conjuntiva destacada, está exemplificada corretamente na alternativa:

  • A.

    CAUSALIDADE: “Come de vez em quando, QUE não faz mal!”

  • B.

    CONCESSÃO: “Melhor será SE o sorriso durar o ano todo.”

  • C.

    CONSEQUÊNCIA: “ ( . . . ) QUANDO meu amigo-secreto, um escritor, abriu o pacote, mal conseguiu falar (...)”

  • D.

    CONDIÇÃO: Meu amigo pediu o endereço da loja, AFIM DE QUE pudesse trocar o presente.

  • E.

    FINALIDADE: Meu amigo ficou tão irritado com o presente recebido QUE o passou adiante.