Questões de Concurso de Preposição - Língua Portuguesa

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão de Concurso - 1150764

Concurso IBGE Agente Censitário Operacional 2019

Questão 2

Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível Médio

“A dificuldade de aumentar o Fundo Eleitoral para as eleições municipais do ano que vem está revivendo entre deputados e senadores a necessidade do financiamento privado das campanhas eleitorais. Com o aumento do custo pela volta da propaganda no rádio e na televisão, haverá necessidade de novo tipo de financiamento”. (Uma questão de dinheiro, Merval Pereira).


As preposições, em língua portuguesa, podem ser solicitadas por termos anteriores ou não; entre as preposições (combinadas ou não com artigos), aquela que NÃO depende sintaticamente de qualquer termo anterior é:


  • A.

    “dificuldade de aumentar”;

  • B.

    “eleições municipais do ano que vem”;

  • C.

    “necessidade do financiamento privado”;

  • D.

    “aumento do custo”;

  • E.

    “necessidade de novo tipo de financiamento”.

Questão de Concurso - 1040728

Concurso MPE Analista Técnico Científico - Área Contador 2018

Questão 10

Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP)

Nível Superior

Considere o trecho final do texto:

Por exemplo, o artigo definido feminino “a” não pode ser usado em determinadas situações, o que, por exclusão, nos leva ao raciocínio de que o “a” da construção é apenas a preposição “a”.

Assinale a alternativa em que a primeira frase confirma e a segunda frase nega o contido na passagem final do texto.

  • A.

    Quando cheguei à repartição, percebi que ali foram feitas algumas mudanças. / A nova funcionária foi encaminhada à direção do setor.

  • B.

    Durante a reunião do departamento, lemos, com atenção, a ata da anterior. / Emprestei o livro importado a quem não deveria.

  • C.

    Oferecemos a todos os participantes do evento um exemplar do livro. / Na reunião, eles se referiram a essa nova lei.

  • D.

    Analisando a documentação, conclui-se que está tudo em ordem. / Pedimos atenção à nova legislação do condomínio

  • E.

    Encontrei o autor a cujo livro nos referimos na última bienal. / A foto do acidente à qual tive acesso me deixou chocada.

Questão de Concurso - 1123538

Concurso TJ Assistente Judiciário 2019

Questão 11

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Médio

Com relação aos aspectos linguísticos e aos sentidos do texto CB3A1-I, julgue os itens a seguir.

A correção gramatical do texto seria preservada caso se inserisse a preposição a imediatamente após “atende” (l.19) — atende a.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 1213304

Concurso Advogado 2019

Questão 6

Fundação CEFETMINAS (CEFETMINAS)

Nível Superior

Leia o texto a seguir e depois responda às questões.


Diálogos da fé

800 anos depois, islâmicos e católicos relembram diálogo marcante.

Em 1219, São Francisco de Assis e o sultão do Egito al-Malik fizeram um encontro histórico em busca da paz e da harmonia.


          O início deste ano de 2019 foi marcado por um evento inter-religiosamente importante. O líder da Igreja Católica, Papa Francisco, e o Sheikh da Universidade de Al-azhar, Prof. Dr. Ahmad al-Tayeb, realizaram o Encontro da Fraternidade Humana em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos, e em consequência disso assinaram o Documento Sobre a Fraternidade Humana em prol da paz e da convivência comum. O documento não se restringiu apenas aos membros das duas comunidades, cujos líderes estavam ali assinando o documento, mas sim a toda humanidade sem nenhuma restrição. Os tópicos principais deste documento tratavam de direitos humanos, liberdade religiosa/fé/crença e sacralidade da vida humana, e condenava-se a barbaridade que das guerras e do terrorismo resulta. Estes, porém, são apenas alguns dos assuntos abordados pelo documento.

           Além desta ocorrência histórica, em meio a tantas turbulências e problemas, este ano remete à memória de algum outro marco histórico para ambas as comunidades. Oitocentos anos atrás, o outro Francisco, que hoje é santo da Igreja, em meio às turbulentas batalhas das cruzadas, cruzou as linhas de guerra e foi ao encontro com o sultão do Egito, al -Malik al-Kamil al-Ayoubi, em 1219. A história é marcante, pois homem sedento de paz e de harmonia foi ao encontro do outro que também era sedento da paz e cansado de ver o sangue dos filhos dos outros. Este evento histórico marcou a amizade de um frade católico e um sultão muçulmano. Esta amizade, segundo o cardeal Odilo Pedro Scherer, arcebispo metropolitano de São Paulo, deu a oportunidade de os frades franciscanos até hoje trabalharem no Egito e na região ao redor.

           No último sábado, dia 28 de setembro, as entidades islâmicas Federação das Associações Muçulmanas no Brasil (FAMRAS) e União Nacional das Entidades Islâmicas (UNI), e as entidades representativas dos frades franciscanos Conferência da Família Franciscana no Brasil (CFFB) e a Ordem dos Frades Menores (OFM), realizaram o evento em memória do encontro entre o sultão e São Francisco de Assis na Mesquita da Misericórdia, situada na região de Santo Amaro. O evento iniciou-se com a plantação da Árvore da Fraternidade. Nesta ocasião, os líderes religiosos da comunidade islâmica e das entidades franciscanas plantaram uma árvore de ipê desejando que gere muitos frutos de diálogo e da irmandade junto as suas cheirosas flores. Logo depois, passou-se ao Salão Multiuso da Mesquita, onde aconteceram as palestras, mostras artísticas e homenagens aos líderes religiosos que estavam presentes.

          As palestras foram marcadas com as falas de irmã Cleusa Aparecida Neves, frade César Külkamp e Sheikh Muhammad al-Bukai.

         A irmã Cleusa, presidente da CFFB, denunciou a falta do diálogo e o autoritarismo que está crescente. O frei César, provincial da Província Franciscana, usou das palavras de Dom Helder Câmara, afirmando que devemos adotar a humanidade toda por família.

          Já o Sheikh Muhammad al-Bukai afirmou que o ser humano tem tendências à eternidade, mas o que dura eternamente são as nossas ações. Em continuidade de sua fala, o Sheikh afirmou que nas guerras não há vitória, todos perdem. Lembrando do ato de São Francisco e do Sultão al-Malik em busca da paz, ressaltou que este é um ato que durará eternamente.

         Ao finalizar, faço das palavras deles as minhas e ressalto que o que foi realizado na noite do dia 28 de setembro é uma semente que gerará muitos frutos pela frente. Mas nenhum de nós recolhê-las-á, esta é a parte mais importante do que se faz em prol do diálogo. Desejo que as futuras gerações possam colher os frutos da árvore de irmandade.

KU?, Atilla. Diálogos de fé. CartaCapital, 1º out. 2019. Disponível em: < https: e-catolicos-relembram-dialogo-marcante="" 800-anos-depois-islamicos-="" dialogos-da-fe="" blogs="" www.cartacapital.com.br="" >. Acesso em: 2 out. 2019.


A respeito da crase, no penúltimo parágrafo do texto, no primeiro período, o autor empregou adequadamente o acento indicativo da crase porque

  • A.

    houve a contração da preposição “a”, exigida pelo substantivo “tendências”, com o artigo “a”, exigido pelo substantivo “eternidade”.

  • B.

    houve a combinação da preposição “a”, exigida pelo substantivo “tendências”, com o artigo “a”, exigido pelo substantivo “eternidade”.

  • C.

    houve a contração da preposição “a”, exigida pelo verbo transitivo indireto “tendências”, com o artigo “a”, exigido pelo substantivo “eternidade”.

  • D.

    houve a contração da preposição “a”, exigida pelo substantivo “tendências”, com o artigo “a”, exigido pelo adjetivo “eternidade”.

Questão de Concurso - 849743

Concurso ALE Especialista Legislativo - Área Arquitetura 2016

Questão 5

Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível Superior

“O cristianismo impregna, com maior ou menor evidência, a vida cotidiana, os valores e as opções estéticas até mesmo dos que o ignoram. Ele contribui para o desenho da paisagem dos campos e das cidades. Às vezes, ganha destaque no noticiário. Contudo, os conhecimentos necessários à interpretação dessa presença se apagam com rapidez. Com isso, a incompreensão aumenta”.

Nesse primeiro parágrafo do texto 1 há alguns elementos que estabelecem relações anafóricas com termos anteriores; o elemento que se refere a uma oração anterior é:

  • A. os;
  • B. que;
  • C. o;
  • D. isso;
  • E. essa.

Questão de Concurso - 848347

Concurso TRT 11 Técnico Judiciário - Área Administrativa 2016

Questão 9

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Médio

Freud uma vez recebeu carta de um conhecido pedindo conselhos...

Sem prejuízo da correção e do sentido, o elemento sublinhado acima pode ser substituído por:

  • A. através de que se pedia
  • B. que lhe pedia
  • C. da qual pedia-lhe
  • D. onde pedia-se
  • E. em que se pedia

Questão de Concurso - 848348

Concurso TRT 11 Técnico Judiciário - Área Administrativa 2016

Questão 10

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Médio

Está correto o que se afirma em:
  • A. O segmento sublinhado em ... que não represente os valores em que ela acredita... (3º parágrafo) pode ser substituído por “no qual”.
  • B. Ambos os elementos sublinhados em ... Freud sabia que as razões que mais pesam... (2º parágrafo) são pronomes.
  • C. A frase ... você terá menos chance de errar se escolher por impulso... (1º parágrafo) pode ser redigida do seguinte modo: “devem haver menos chances de errar na escolha impulsiva”.
  • D. O elemento sublinhado em ... aqueles que eles seguiram na vida... (2º parágrafo) refere-se a “ideais”.
  • E. Na frase Parece um processo de imitação, mas não é:... (2º parágrafo), o sinal de dois-pontos pode ser substituído por “pois”, precedido de vírgula.

Questão de Concurso - 908510

Concurso Escriturário 2017

Questão 13

Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP)

Nível Médio

Considere a frase.

De acordo com a norma-padrão, as lacunas dessa frase devem ser preenchidas, correta e respectivamente, por:

  • A. a … à … à
  • B. a … à … a
  • C. à … a … a
  • D. à … à … a
  • E. à … a … à

Questão de Concurso - 849756

Concurso ALE Especialista Legislativo - Área Arquitetura 2016

Questão 18

Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível Superior

Entre as frases abaixo, retiradas dos textos 1 e 2, aquela em que a preposição sobre tem valor diferente do dos demais casos é:
  • A. “Os cidadãos suíços são convocados a se pronunciar periodicamente, de quatro a cinco vezes por ano aproximadamente, sobre um total de quinze temas da atualidade política”. (texto 2)
  • B. “Além de cada uma dessas votações populares, os cidadãos são convidados a dar suas opiniões (votando simplesmente sim ou não) sobre três ou quatro problemas de interesse nacional, aos quais se acrescentam alguns tópicos especiais dos cantões e das comunas”. (texto 2)
  • C. “Esse sistema repousa sobre a iniciativa popular e sobre o referendum, que permitem a uma minoria...”. (texto 2)
  • D.  “...obrigar o conjunto do país a se interessar sobre o que a preocupa”. (texto 2)
  • E. “Entender os debates mais recentes sobre a colonização, as práticas humanitárias, a bioética, o choque de culturas...”. (texto 1)

Questão de Concurso - 830324

Concurso SEDF Técnico de Gestão Educacional - Área Apoio Administrativo 2016

Questão 24

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Médio

Julgue os itens a seguir, que tratam de aspectos gramaticais do texto CB2A6AAA.

A supressão do vocábulo “nem” (l.13) preservaria o sentido e a correção gramatical do texto.
  • C. Certo
  • E. Errado