Língua Portuguesa Morfossintaxe do período Concordância verbal e nominal (sintaxe de concordância) Concordância verbal

“No Brasil, cerca de 50 mil pacientes morrem anualmente em decorrência de insuficiência cardíaca, de acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia.” (linhas 15 a 18). Sobre concordância verbal, analise o trecho sublinhado e assinale a alternativa que representa a regra de concordância que rege tal trecho:
  • A. Quando o sujeito é formado por expressões que indicam quantidade aproximada seguidas de um numeral, o verbo concordará com este numeral que acompanha as expressões.
  • B. Quando o sujeito é formado por expressões que indicam quantidade aproximada seguidas de um numeral, o verbo permanecerá sempre no singular.
  • C. Assim como a expressão “Mais de um”, as expressões que indicam quantidade aproximada seguidas de um numeral devem ficar no singular.
  • D. Quando o sujeito é formado por numerais percentuais ou fracionários seguidos de uma especificação, o verbo poderá concordar tanto com o numeral quanto com a expressão especificativa.
  • E. Quando o sujeito é formado por expressões partitivas o verbo poderá concordar, no singular, com o núcleo dessas expressões ou com o termo da expressão explicativa ou especificativa que as acompanha.