Língua Portuguesa Morfossintaxe do período

Nossa história e nosso passado não são nem cargas indesejadas, nem determinações absolutas.

Mantêm-se o sentido e a correção da frase acima substituindo- se o segmento sublinhado por

  • A.

    nem tanto cargas indesejadas quanto determinações absolutas.

  • B.

    cargas indesejadas, nem ao menos determinações absolutas.

  • C.

    cargas indesejadas, assim como não são determinações absolutas.

  • D.

    nem cargas indesejadas, quando não determinações absolutas.

  • E.

    nem mesmo cargas indesejadas, quanto mais determinações absolutas.