Pedagogia Currículo (Teoria e Prática) Teorias curriculares

O pensamento curricular ao longo da história da educação brasileira foi fortemente marcado pela linearidade das teorias sócio-filosóficas que embasaram as construções teóricas do pensamento burguês. Submissos e dependentes das teorizações europeias e, posteriormente, americanas, a elaboração curricular, no Brasil, apresentava um viés funcionalista.

Esse referencial marcou a produção no campo do currículo até a década de

  • A. 2000.
  • B. 1980.
  • C. 1960.
  • D. 1940.
  • E. 1920.