Antropologia Interpretativismo

No entendimento de Clifford Geertz, o conceito iluminista de natureza humana pressupõe que o homem constitui uma só peça com a natureza e partilha da uniformidade geral de composição que a ciência natural descobriu sob o incitamento de Bacon e a orientação de Newton. Neste contexto, as enormes e amplas variedades de diferenças entre os homens são consideradas

  • A.

    as bases para os estudos relativistas que servirão para completar e iluminar o que é verdadeiramente humano no homem.

  • B.

    as chaves para o surgimento das ciências sociais fundadas no espírito mecanicista.

  • C.

    as características essenciais e definidoras que ampliam o significado do que há de constante e verdadeiramente humano no homem.

  • D.

    os meros acréscimos, até mesmo distorções, sobrepondo e obscurecendo o que é verdadeiramente humano no homem.

  • E.

    as expressões genuínas que exemplificam o espírito do universalismo humano.