Questões de Concurso de Teoria em Arte - Artes

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão de Concurso - 1215623

Concurso Prefeitura de Ponte Nova Professor de Educação Básica - Área Artes 2019

Questão 52

Fundação de Apoio à Educação e Desenvolvimento Tecnológico de Minas Gerais (Fundação CEFETMINAS)

Nível Superior

Ao abordar as questões teóricas sobre a arte, Anne Cauquelin anuncia modelos que, ao longo da história, determinaram e foram determinados pelo fazer artístico. Dentre eles, pode-se nomear o de Diderot e o de Greenberg.


Observando as definições da autora, associe as duas colunas relacionando os modelos a suas respectivas características:


MODELOS


I - Diderot

II - Greenberg


CARACTERÍSTI CAS


( ) A arte em geral deve ser vanguardista.

( ) A crítica deve ser uma descrição moral do objeto artístico.

( ) O crítico teoriza e escolhe uma prática artística para dar-lhe um nome.

( ) O crítico teoriza de maneira prática à luz da razão para enfatizar os bons costumes.


A sequência correta dessa associação é


  • A.

    II, I, I, II.

  • B.

    I, II, I, II.

  • C.

    I, II, II, I.

  • D.

    II, I, II, I.

Questão de Concurso - 1215625

Concurso Prefeitura de Ponte Nova Professor de Educação Básica - Área Artes 2019

Questão 54

Fundação de Apoio à Educação e Desenvolvimento Tecnológico de Minas Gerais (Fundação CEFETMINAS)

Nível Superior

Ao estudar as poéticas visuais, Sandra Rey, em seu artigo "Da prática à teoria: três instâncias metodológicas sobre a pesquisa em Poéticas Visuais", apresenta uma divisão metodológica entre pesquisa em arte e pesquisa sobre arte. Dessa maneira, a pensadora estabelece critérios que dirigem os métodos para o estudo das artes plásticas em sua expressão imagética contemporânea.


Observe o período a seguir e preencha corretamente as lacunas do texto que esclarece a diferença entre esses modos de pesquisar a arte visual.


A pesquisa __________ arte é aquela que referencia o __________ do artista a partir da pesquisa constituída pelo __________ do pesquisador. Já a pesquisa __________ arte enfatiza o __________, referenciado pelo __________ que é a obra de arte.


  • A.

    sobre / processo criativo / próprio trabalho / em / aspecto histórico e crítico / produto final

  • B.

    em / aspecto histórico e crítico / produto final / sobre / processo criativo / próprio trabalho

  • C.

    sobre / aspecto histórico e crítico / produto final / em / processo criativo / próprio trabalho

  • D.

    em / processo criativo / próprio trabalho / sobre / aspecto histórico e crítico / produto final

Questão de Concurso - 1215635

Concurso Prefeitura de Ponte Nova Professor de Educação Básica - Área Artes 2019

Questão 56

Fundação de Apoio à Educação e Desenvolvimento Tecnológico de Minas Gerais (Fundação CEFETMINAS)

Nível Superior

O plano original, P.O., como é nomeado por Wassily Kandinsky em seu livro, Ponto e linha sobre o plano, é a superfície material que suporta a obra, esquematicamente, sendo limitado por duas linhas verticais e outras duas linhas horizontais. Essa modelagem aponta para uma definição do P.O. como um ser autônomo no domínio daquilo que o rodeia.


Atentando para essa definição, informe se é verdadeiro (V) ou falso (F) o que se afirma sobre o P.O.


( ) A compreensão relativa de um P.O. perfeito determina que a objetividade absoluta é atingida pelo objeto.

( ) A linha horizontal superior evoca a ideia de maior flexibilidade, leveza, ascensão e liberdade.

( ) A noção de peso corresponde a um peso material, equivalendo a uma tensão interior da obra.

( ) A linha horizontal inferior evoca a ideia de maior flexibilidade, leveza, ascensão e liberdade.

( ) A forma mais objetiva de um P.O. esquemático é o quadrado.


De acordo com as afirmações, a sequência correta é


  • A.

    V, F, F, V, F.

  • B.

    F, V, V, V, F.

  • C.

    F, V, F, F, V.

  • D.

    V, F, V, F, V.

Questão de Concurso - 1215644

Concurso Prefeitura de Ponte Nova Professor de Educação Básica - Área Artes 2019

Questão 60

Fundação de Apoio à Educação e Desenvolvimento Tecnológico de Minas Gerais (Fundação CEFETMINAS)

Nível Superior

Georges Didi-Huberman, no capítulo "História e legibilidade da imagem", de seu livro Remontagens do tempo sofrido: o olho da história, II, desenvolve uma reflexão sobre os modos de ler uma imagem a partir da historicidade daquela. Avalie as afirmações sobre o ato de produzir e de ler historicamente as imagens.


I- A infância e a história apresentam uma relação fundamental.

II- A experiência e a imaginação marcam o olhar infantil para com as imagens.

III- A montagem e a legibilidade operam uma redução das dimensões constitutivas da imagem.

IV- A escritura e a montagem afirmam uma condição dialética de síntese e de regulação da imagem.

V- A reflexão ética, o saber, o ponto de vista e o ato de escritura fundam a "conhecibilidade" da imagem.


Está correto apenas o que se afirma em


  • A.

    I e V.

  • B.

    III e IV.

  • C.

    I, II e V.

  • D.

    II, III e IV.

Questão de Concurso - 1192042

Concurso Professor de Educação Básica - Área: Artes 2019

Questão 33

Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (IBADE)

Nível Superior

No ensino de arte, muitas vezes o estudante reage com dificuldade em atribuir sentido a uma obra artística com a célebre interrogação: “Isto é arte?” O processo de recriação interna que instiga o contato mais sensível e aberto acolhendo o pensar / sentir do fruidor e amplia sua possibilidade de produzir sentido chama-se:

  • A. imaginação.
  • B. produção.
  • C. contextualização.
  • D. leitura.
  • E. dialética.

Questão de Concurso - 1192070

Concurso Professor de Educação Básica - Área: Artes 2019

Questão 42

Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (IBADE)

Nível Superior

A série cinematográfica “Guerra nas Estrelas” iniciada em 1977 encantou milhares de crianças e jovens em todo o mundo com sequências importantes, como “A Vingança dos Sith” (2005). Essa produção audiovisual apresenta a influência do (da/ das):

  • A. dadaísmo.
  • B. histórias em quadrinhos.
  • C. novas tecnologias.
  • D. surrealismo.
  • E. arte conceitual.

Questão de Concurso - 1192073

Concurso Professor de Educação Básica - Área: Artes 2019

Questão 43

Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (IBADE)

Nível Superior

“Continua, portanto, relevante voltar nossa atenção para contextos nativos cuja produção artística não segue as mesmas leis que as do Ocidente, não entra na lógica do mercado, e, às vezes, nem na da troca, e não funciona a partir da separação entre a vida cotidiana e a arte” (LAGROU, Els, 2009, p. 80). Esse debate sobre contextos nativos de alteridade e autenticidade no mundo das artes refere-se à:

  • A. arte afro-brasileira.
  • B. arte indígena.
  • C. arte naif.
  • D. arte pré-colombiana.
  • E. arte popular.

Questão de Concurso - 1192097

Concurso Professor de Educação Básica - Área: Artes 2019

Questão 47

Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (IBADE)

Nível Superior

Aproximar a divindade Iemanjá da baía de Vitória. Essa é a proposta da performance "Kalunga", do Coletivo Emaranhado, que se apresenta neste próximo domingo (13), a partir das 16 horas, dentro da programação de 25 anos do Museu Capixaba do Negro “Verônica da Pas” (Mucane). O trabalho é uma proposta ficcional do grupo, que, dessa maneira, trata da diáspora africana e suas raízes em solo brasileiro. Também foi o trabalho que renovou o elo do coletivo com a cultura afro e ampliou seus horizontes na arte cênica negra (Mucane 25 Anos: performance "Kalunga" traz Iemanjá para a baía de Vitória.

(Disponível em: https://www.vitoria.es.gov.br/noticia/mucane- 25-anos-performance-kalunga-traz-iemanja-para-a-baia-devitoria- 28350. Acesso em: 4 set. 2019)

A ênfase na proposta acima identifica:

  • A. a afro-descendência artística no Brasil.
  • B. a estética e arte nas religiões afro-brasileiras.
  • C. a representação da negritude.
  • D. a arte projetivamente afro-brasileira.
  • E. diálogos contemporâneos.

Questão de Concurso - 1192403

Concurso Professor de Educação Básica - Área: Educação Artística 2019

Questão 38

Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (IBADE)

Nível Superior

“A arte alimenta a própria arte, disse Picasso (1881 – 1973) que, aos 13 anos, viu pela primeira vez Velázquez. Imagens e emoções que o levaram a uma série de trabalhos muitos anos mais tarde, na sua série As Meninas” (PICOSQUE, Gisa Picosque. Didática do ensino da arte, SP: 1998). O processo que desencadeia um aprendizado de arte, ampliando as redes de significação do fruidor, chama-se:

  • A. nutrição estética.
  • B. experimentalismo.
  • C. pedagogia nova.
  • D. observação durante a própria ação docente.
  • E. interacionismo simbólico.

Questão de Concurso - 1142813

Concurso SAEB Professor - Área: Linguagens com Ênfase em Arte 2017

Questão 42

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

É esse o nome que dei às minhas obras desse período pois seu caráter é fundamentalmente orgânico. [...] Cada Bicho é uma entidade orgânica que se revela totalmente dentro de seu tempo interior de expressão. [...] É um organismo vivo, uma obra essencialmente atuante. Entre você e ele se estabelece uma interação total, existencial.


(Excerto de Bichos, texto de Lygia Clark)



Nos Bichos, obra fundante, Clark realiza plenamente o espaço neoconcreto como campo de experiência e da alteridade. A obra espera o Outro. [...] O Bicho é o indeterminado.


(Excerto de Lygia Clark, de Paulo Herkenhoff)




Os dois excertos acima, um da própria artista e outro do crítico de arte Paulo Herkenhoff, possibilitam interpretações de uma mesma série, “Bichos”. Os dois excertos afirmam e concordam entre si sobre:

  • A.

    A relação entre a série Bichos e a noção de individualidade, visto que cada trabalho se distingue dos demais por sua proposta única e irrepetível estruturante do trabalho de Clark.

  • B.

    A analogia formal entre a série Bichos e os organismos vivos no sentido biológico do termo, dada a pretensão naturalista que é reconhecidamente uma marca do trabalho de Lygia Clark.

  • C.

    A importância da participação de outros artistas na série Bichos, como por exemplo Ferreira Gullar, estruturante para o diálogo propositivo que marca o trabalho de Lygia Clark.

  • D.

    A proposição, fundante para a série Bichos, de uma relação de interação com o outro, de uma experiência singular, embora não individualista.

  • E.

    A proposição de um novo manifesto neoconcreto em oposição ao escrito por Ferreira Gullar e Amílcar de Castro, entre outros, por funcionar, na prática, como transposição do espaço bidimensional para a do espaço tridimensional.