Questão 1058285 - Biologia molecular

Concurso:

Cargo:

Banca:

Nível:

Biologia Biologia Celular Biologia molecular

A eletroforese de proteínas por eletroforese em gel de poliacrilamida –SDS ou SDS PAGE é considerada o mais importante procedimento de separação, sendo indicada para proteínas insolúveis, proteínas complexadas em grandes agregados ou até para lipídeos. Duas versões do método estão disponíveis: a eletroforese monodimensional e a bidimensional. Na eletroforese bidimensional, as proteínas são separadas pelo seu ponto isoelétrico, em um tubo de gel de poliacrilamida. Após a separação, esse gel é colocado deitado sobre um gel maior, no sistema SDS-PAGE. Assinale a alternativa que descreve corretamente a função dos compostos utilizados nesse método.
  • A. O duodecilsulfato de sódio (SDS) é um detergente forte, carregado positivamente, que se liga a regiões hidrofóbicas das moléculas protéicas. Já o βmercaptoetanol, o agente redutor, ocasiona a estabilização das pontes disulfeto (S-S). Desse modo é garantido a compactação das cadeias polipeptídicas e a sua a separação pela forma.
  • B. O duodecilsulfato de sódio (SDS) é um detergente forte, carregado negativamente, que se liga a regiões hidrofóbica das moléculas protéicas. Já a uréia, o agente redutor, ocasiona a estabilização das pontes disulfeto (S-S). Desse modo é garantida a compactação das cadeias polipeptídicas e a sua separação pela forma;
  • C. O duodecilsulfato de sódio (SDS) é um detergente forte, carregado negativamente, que se liga a regiões hidrofóbicas das moléculas protéicas. Já o βmercaptoetanol, o agente redutor, ocasiona a quebra das pontes disulfeto (S-S). Desse modo é garantido o desdobramento das cadeias polipeptídicas e sua separação pelo tamanho.
  • D. O duodecilsulfato de sódio (SDS) é um composto, produzido pela polimerização do gel de poliacrilamida em presença de uréia, que atua como um redutor forte, carregado negativamente, que se liga a regiões hidrofóbica das moléculas protéicas, retardando seu deslocamento no gel. Já a o βmercaptoetanol, o agente desnaturante, ocasiona a estabilização das pontes disulfeto (S-S). Desse modo é garantido o desdobramento das cadeias polipeptídicas e sua separação pelo tamanho.
  • E. O duodecilsulfato de sódio (SDS) é um composto, produzido pela polimerização do gel de poliacrilamida em presença de uréia, que atua como um redutor forte, carregado positivamente, que se liga a regiões hidrofóbica das moléculas protéicas, retardando seu deslocamento no gel. Já a uréia, o agente redutor, ocasiona a estabilização das quebra das disulfeto (S-S). Desse modo é garantida a compactação das cadeias polipeptídicas e sua separação pelo tamanho.