Biologia Metodologia Científica Práticas Laboratoriais

A preparação de cortes histológicos é dividida sequencialmente nas etapas: dissecação, fixação, desidratação, diafanização, impregnação, inclusão e microtomia. Na etapa de
  • A. fixação, é utilizado formaldeído que fixa proteínas e inativa enzimas, em seguida, é adicionado cloro para desinfectar os tecidos, preservando sua morfologia.
  • B. impregnação, o meio de inclusão penetra nos espaços intercelulares e no interior das células, conferindo consistência uniforme ao tecido para obtenção dos cortes.
  • C. desidratação, a água é retirada aos poucos do interior das células através de concentrações decrescentes de etanol, iniciase com etanol 100% e termina-se no etanol 70%.
  • D. diafanização, os tecidos são tratados com solventes, como o xilol ou o benzol, para remover a parafina incluída no interior dos tecidos.
  • E. inclusão, os tecidos são imersos e envolvidos por substâncias miscíveis com o meio de inclusão, e os tecidos tornam-se translúcidos.