Questões de Concurso de Calibração - Conhecimentos Específicos de um determinado Cargo/Área

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão de Concurso - 766429

Concurso NUCLEP Técnico de Controle e Qualidade - Área Calibração 2014

Questão 41

(FBR)

Nível Médio

Um técnico de qualidade está estudando erros de paralaxe. Uma medida para a qual NÃO ocorre esse tipo de erro é:
  • A. balança de ponteiro (dinamômetro).
  • B. termômetro de mercúrio.
  • C. paquímetro.
  • D. cronômetro de ponteiro.
  • E. cronômetro digital.

Questão de Concurso - 766430

Concurso NUCLEP Técnico de Controle e Qualidade - Área Calibração 2014

Questão 42

(FBR)

Nível Médio

Um técnico de qualidade fez um conjunto de medidas de 10 peças produzidas por uma fábrica. As peças são paralelepípedos feitos de um material sólido, cujas arestas acompanham com precisão a proporção (1,2,3). São produzidas peças com dimensões variáveis. As 10 peças são todas de dimensões diferentes entre si. Foram medidos o comprimento da aresta menor e o peso da de cada uma das 10 peças. O técnico deseja fazer a estimação dos parâmetros de um polinômio de terceiro grau que relacione a dimensão da menor aresta e o peso da peça, para fins de interpolação. Em relação ao caso, NÃO é correto afirmar que:
  • A. A medida de dimensão pode ser feito com paquímetro, se a dimensão permitir.
  • B. O erro da medida do comprimento da aresta será dado pela qualidade do equipamento usado para medi-lo.
  • C. A medida de peso será necessariamente um número inteiro.
  • D. Para que o polinômio de interpolação seja calculado com o menor erro possível, é adequado que as peças sejam de tamanhos diferentes, com valores na faixa em que se deseja que a interpolação seja usada.
  • E. Uma vez calculado o polinômio interpolador, pode-se usá-lo para estimar o peso de uma peça cujo valor da aresta seja dado.

Questão de Concurso - 766431

Concurso NUCLEP Técnico de Controle e Qualidade - Área Calibração 2014

Questão 43

(FBR)

Nível Médio

Um técnico de qualidade está fazendo medidas de peso usando uma balança digital. O manual da balança indica que se pode medir uma carga de até 99Kg, e a precisão é de 0,5Kg. Deseja-se usar a balança para comparar o peso de dois corpos A e B. Assinale a afirmativa ERRADA.
  • A. Caso se faça a medida do corpo A com valor de 50,0 Kg e o corpo B com valor de 50,0 Kg, isso significa que a diferença de peso A - B é menor que 1Kg.
  • B. Caso se faça a medida do corpo A + B com valor de 50,0 Kg e o corpo B com valor de 20,0 Kg, pode-se concluir que o corpo A tem peso na faixa (29,0Kg ; 31,0Kg).
  • C. Caso se faça a medida do corpo A com valor de 50,0 Kg e A + B com valor de 50,0 Kg, pode-se concluir que o corpo B tem peso na faixa (0,0Kg ; 0,5Kg).
  • D. Caso se faça a medida do corpo A com valor de 10,0 Kg e o corpo B com valor de 10,0 Kg, isso significa que o peso de A + B é garantidamente menor que 20,0Kg.
  • E. que 20,0Kg. (E) Caso se faça a medida do corpo A com valor de 40,0 Kg e o corpo B com valor de 30,0 Kg, isso significa que a diferença de peso A - B tem peso menor que 11,0Kg.

Questão de Concurso - 766432

Concurso NUCLEP Técnico de Controle e Qualidade - Área Calibração 2014

Questão 44

(FBR)

Nível Médio

Um técnico de qualidade está produzindo um relatório técnico; é requerido que, no relatório, os dados de temperatura sejam escritos na escala de graus Celsius. Há dados a serem anexados no relatório a partir de documentos cujo original registra os dados em escalas de temperatura diferentes, tal como as escalas Fahrenheit e Kelvin. O técnico deverá converter os dados originais para a escala de graus Celsius. Em relação ao caso, é correto afirmar que:
  • A. Usa-se a mesma fórmula para converter dados da escala Fahrenheit - Celsius e Kelvin - Celsius.
  • B. Uma temperatura negativa na escala Fahrenheit resulta sempre em temperatura negativa na escala Celsius.
  • C. Uma temperatura negativa na escala Kelvin resulta sempre em temperatura negativa na escala Celsius.
  • D. Se duas temperaturas t1 e t2 tem diferença de x graus na escala Fahrenheit, terá diferença de x graus na escala Celsius.
  • E. Se duas temperaturas t1 e t2 tem diferença de x graus na escala Kelvin, terá diferença de x graus na escala Celsius.

Questão de Concurso - 766433

Concurso NUCLEP Técnico de Controle e Qualidade - Área Calibração 2014

Questão 45

(FBR)

Nível Médio

Um técnico de qualidade deseja medir a temperatura do líquido dentro de um reator químico. Para isso será usado um termômetro de dilatação de líquidos. Nesse caso, NÃO é correto afirmar que:
  • A. Assegura-se boa qualidade de medida no caso a quantidade de líquido dentro do reator ser muito menor que a quantidade de líquido do bulbo do termômetro.
  • B. Assegura-se boa qualidade de medida no caso a quantidade de líquido dentro do reator ser muito maior que a quantidade de líquido do bulbo do termômetro.
  • C. Para que seja feita a leitura corretamente, é preciso que a temperatura do líquido do reator seja menor que o máximo da escala do termômetro.
  • D. Para que seja feita a leitura corretamente, é preciso que a temperatura do líquido do reator seja maior que o mínimo da escala do termômetro.
  • E. Para que seja feita a leitura corretamente, é preciso que se assegure que o líquido dentro do bulbo de vidro do termômetro entre em equilíbrio térmico com líquido do reator.

Questão de Concurso - 766434

Concurso NUCLEP Técnico de Controle e Qualidade - Área Calibração 2014

Questão 46

(FBR)

Nível Médio

  • A. A instalação deve garantir que a haste sensível a temperatura fique integralmente dentro do reator.
  • B. O indicador (cilindro com ponteiro mostrando a temperatura) deve ser instalado de forma a se garantir que fique livre de choques ou vibrações. Caso necessário, pode-se usar um extensor flexível para separar a haste termo-sensível do indicador.
  • C. A instalação deve ser feita de forma a vedar perfeitamente o ponto de inserção da haste sensível a temperatura, de forma que o conteúdo interno do reator não fique em contato com o exterior.
  • D. A operação do termômetro requer que freqüentemente se faça manutenção periódica, em que se retira a haste sensível a temperatura para conferir sua excentricidade.
  • E. Para conferência e calibragem de temperatura, deve-se esperar tempo suficiente para a estabilização térmica (alguns minutos).

Questão de Concurso - 766435

Concurso NUCLEP Técnico de Controle e Qualidade - Área Calibração 2014

Questão 47

(FBR)

Nível Médio

Um técnico de qualidade leu num livro técnico a frase abaixo. Os termômetros à pressão de vapor baseiam-se na lei de Dalton que diz: “A pressão de um vapor saturado depende única e exclusivamente de sua temperatura e não da sua mudança de volume”. Com respeito às classes desse tipo de termômetro, Não é correto afirmar que:
  • A. Um termômetro a vapor Classe ΙΙ-A é construído para medição de temperatura sempre acima da temperatura ambiente.
  • B. Um termômetro a vapor Classe ΙΙ-B é construído para medição de temperatura sempre abaixo da temperatura ambiente.
  • C. Um termômetro a vapor Classe ΙΙ-C é construído para medição de temperatura acima ou abaixo da temperatura ambiente.
  • D. Um termômetro a vapor Classe ΙΙ-D é construído para medição de temperatura acima ou abaixo da referência de controle de temperatura.
  • E. O termômetro à pressão de vapor é barato e simples de manter, com uma precisão na ordem de 1%.

Questão de Concurso - 766436

Concurso NUCLEP Técnico de Controle e Qualidade - Área Calibração 2014

Questão 48

(FBR)

Nível Médio

Um técnico de qualidade está estudando como usar termopar para medir a temperatura de um reator industrial. O manual contém as seguintes informações:

A medição de temperatura pode ser feita pela obtenção de uma força eletromotriz gerada quando dois metais de natureza diferente tem suas extremidades unidas e submetidas a temperaturas distintas. Isto ocorre devido aos metais distintos possuírem densidades de elétrons livres específicos e quando unidos em suas extremidades provocar migração desses elétrons do lado de maior densidade para o de menor densidade ocasionando uma diferença de potencial entre os dois fios metálicos.

Com respeito a medidas feitas com termopar, assinale a afirmativa ERRADA.
  • A. A diferença de potencial elétrico de um termopar não depende nem da área de contato e nem de sua forma, mas sim da diferença de temperatura entre as extremidades quente e fria.
  • B. É impossível medir temperatura com termopar se a junta fria não estiver mantida na temperatura zero grau Celsius.
  • C. A diferença de potencial elétrico de um termopar em função da temperatura é aproximadamente linear, sem histerese.
  • D. Os termopares podem ser associados em série, para aumentar a f.e.m. produzida na medição de temperatura.
  • E. Os termopares podem ser associados em paralelo, para se efetuar medição de temperatura média.

Questão de Concurso - 766437

Concurso NUCLEP Técnico de Controle e Qualidade - Área Calibração 2014

Questão 49

(FBR)

Nível Médio

Um técnico de qualidade está implantando um strain gage numa estrutura metálica, para medir a deformação quando submetida a uma carga com um certo peso. O fator que mais influencia a medida com strain gage é a:
  • A. temperatura.
  • B. pressão.
  • C. acidez.
  • D. radiação luminosa.
  • E. velocidade do vento.

Questão de Concurso - 766438

Concurso NUCLEP Técnico de Controle e Qualidade - Área Calibração 2014

Questão 50

(FBR)

Nível Médio

  • A. deve ser feita levando-se em conta as medidas somente dos strain gages verticais.
  • B. deve ser feita levando-se em conta as medidas somente dos strain gages horizontais.
  • C. deve ser feita levando-se em conta as medidas de todos os strain gages.
  • D. depende da espessura do disco das extremidades.
  • E. somente pode ser feita com a força aplicada sendo medida em Newtons (N).