Engenharia Elétrica e Engenharia Eletrônica Sistemas Elétricos de Potência Transmissão

“Ao energizarmos uma linha de transmissão, partem do transmissor, simultaneamente, duas ondas, uma de tensão de amplitude U [V] e uma de corrente, de amplitude I [A], que se desloca com velocidade constante v [m/s] em direção ao receptor, onde chegam com o nome de ondas diretas ou ondas incidentes. Dependendo da forma de terminação da linha, podem dar origem a ondas refletidas, que viajam de volta, do receptor para o transmissor com a mesma velocidade das ondas incidentes.” (FUCHS, 1977, p. 64).

Considerando R a resistência terminal da linha e Z a impedância de entrada, pode-se afirmar que as ondas

  • A. refletidas de tensão e corrente são nulas sempre que R = Z.
  • B. de tensão refletida e incidente possuem sinais opostos, resultando em um aumento da tensão sempre que R < Z.
  • C. de tensão refletida e incidente possuem o mesmo sinal. Isso fará com que a tensão resultante seja nula sempre que R > Z.
  • D. da corrente refletida e incidente possuem o mesmo sinal, assim como as ondas de tensão refletida e incidente sempre que R > Z.