Questões de Concurso de Engenharia Química - Engenharia Química

Navegar questão a questão

Questão 999572

Companhia Pernambucana de Saneamento - PE (COMPESA/PE) 2018

Cargo: Analista de Saneamento - Área Engenheiro Químico / Questão 41

Banca: Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível: Superior

A pilha de escória contém areia, cal virgem, enxofre e metais tóxicos como manganês, zinco, cádmio, crômio, níquel e chumbo e corre o risco de escorregar com a ação das chuvas e contaminar o rio Paraíba do Sul e os lençóis freáticos. Assinale a opção que indica o problema ambiental que esta contaminação pode causar ao ambiente aquático.

  • A. Aumento do pH.
  • B. Diminuição da turbidez.
  • C. Aumento da transparência.
  • D. Diminuição da concentração de sólidos totais.
  • E. Aumento da concentração de oxigênio dissolvido.

Questão 999573

Companhia Pernambucana de Saneamento - PE (COMPESA/PE) 2018

Cargo: Analista de Saneamento - Área Engenheiro Químico / Questão 42

Banca: Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível: Superior

O equilíbrio envolvendo os gases N2O4 e NO2 é muito estudado devido à mudança de coloração das substâncias, o que facilita a visualização desse processo.

Considere um tubo selado contendo inicialmente N2O4 com pressão parcial de 0,45 atm. e temperatura constante. Após o equilíbrio ser atingido, a pressão parcial determinada para o N2O4 foi de 0,08 atm.

Com base nesses dados experimentais, o valor aproximado da constante de equilíbrio em função das pressões parciais dos gases envolvidos, é de

  • A. 0,15.
  • B. 1,08.
  • C. 3,72.
  • D. 6,85.
  • E. 9,25.

Questão 999575

Companhia Pernambucana de Saneamento - PE (COMPESA/PE) 2018

Cargo: Analista de Saneamento - Área Engenheiro Químico / Questão 44

Banca: Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível: Superior

Espectrometria de absorção atômica é uma técnica analítica aplicada para a determinação quantitativa de analitos em amostras líquidas (soluções) ou sólidas. O princípio fundamental da técnica consiste na medida da absorção da intensidade de radiação eletromagnética, proveniente de uma fonte de radiação primária, por
  • A. cátions metálicos, dispersos em fase aquosa.
  • B. átomos de metais, dispersos em fase aquosa.
  • C. cátions metálicos, dispersos em fase gasosa.
  • D. ânions metálicos, dispersos em fase gasosa.
  • E. átomos dos metais, dispersos em fase gasosa.

Questão 999576

Companhia Pernambucana de Saneamento - PE (COMPESA/PE) 2018

Cargo: Analista de Saneamento - Área Engenheiro Químico / Questão 45

Banca: Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível: Superior

Na análise de uma mistura de pesticidas organoclorados por cromatografia gasosa acoplada a espectrometria de massas, foi obtido o seguinte cromatograma:

Considerando as estruturas e a composição da coluna cromatográfica, pode-se dizer que os picos 12, 15 e 17 referemse, respectivamente, a

  • A. DDT, DDD e DDE.
  • B. DDT, DDE e DDD.
  • C. DDD, DDE e DDT.
  • D. DDE, DDD e DDT.
  • E. DDE, DDT e DDD.

Questão 999578

Companhia Pernambucana de Saneamento - PE (COMPESA/PE) 2018

Cargo: Analista de Saneamento - Área Engenheiro Químico / Questão 47

Banca: Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível: Superior

As soluções-tampão são usadas na calibração de medidores de pH, na cultura de bactérias e no controle de pH de soluções nas quais ocorrem reações químicas. Assinale a opção que indica o par que pode ser utilizado para o preparo de um tampão básico.
  • A. CH3)3NH+ / (CH3)3N
  • B. HNO2 / NaNO2
  • C. K+ / KCl
  • D. CH3COOH / CH3COONa
  • E. Ca(OH)2 / Ca(CN)2

Questão 999579

Companhia Pernambucana de Saneamento - PE (COMPESA/PE) 2018

Cargo: Analista de Saneamento - Área Engenheiro Químico / Questão 48

Banca: Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível: Superior

Em um recipiente de volume constante foi efetuada a reação de decomposição a temperatura constante:

Inicialmente a pressão parcial do trióxido de enxofre era de 1,6 bar. Ao atingir o equilíbrio foi constatada uma porcentagem de decomposição de 60%.

Se a esse sistema em equilíbrio for adicionado 1 mmol de dióxido de enxofre, mantendo-se constante as condições anteriores, quando o novo equilíbrio for atingido,

  • A. ele estará deslocado para a direita, pois a porcentagem de decomposição é maior que 50%.
  • B. a constante de equilíbrio (K) será maior, pois houve deslocamento do equilíbrio favorecendo o reagente.
  • C. sendo o volume fixo, a pressão total do sistema permanecerá igual nos dois equilíbrios descritos.
  • D. a pressão parcial do SO3 será menor que 0,64 bar.
  • E. a pressão parcial do O2 será menor que 0,48 bar.

Questão 999580

Companhia Pernambucana de Saneamento - PE (COMPESA/PE) 2018

Cargo: Analista de Saneamento - Área Engenheiro Químico / Questão 49

Banca: Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível: Superior

O cloreto de prata é um sal de baixa solubilidade em água (Kps = 1,8x10-10, a 25°C).

A adição de NH3(aq) a uma solução saturada de cloreto de prata em contato com o precipitado resultará

  • A. na diminuição da solubilidade do cloreto de prata, devido ao efeito do íon comum, diminuindo a basicidade do sistema.
  • B. na formação de hidróxido de prata, devido ao aumento da basicidade do sistema, aumentando a massa de precipitado.
  • C. no deslocamento do equilíbrio no sentido de AgCl(s), devido à interação ácido-base da amônia com o íon cloreto.
  • D. na dissolução do precipitado, devido à formação do íon complexo Ag(NH3)2 +.
  • E. na formação de AgCl sólido, devido ao deslocamento de equilíbrio provocado pela base de Lewis.

Questão 999581

Companhia Pernambucana de Saneamento - PE (COMPESA/PE) 2018

Cargo: Analista de Saneamento - Área Engenheiro Químico / Questão 50

Banca: Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível: Superior

Na utilização de carbonato de sódio como padrão primário foi pesado 2,650 g de carbonato de sódio anidro PA, previamente dessecado a 200 °C durante uma hora. Esse sólido foi dissolvido, num béquer, com água deionizada e transferido para um balão de 500 mL completando assim esse volume. 10 mL dessa solução de carbonato de sódio serão utilizados, numa titulação, para padronizar uma solução 0,1 mol.L-1 de ácido clorídrico com alaranjado de metila como indicador.

O volume previsto de titulado que deverá ser gasto nesse processo, considerando nenhum tipo de perda será de Dados: massas molares (g.mol-1) C= 12; O=16; Na= 23.

  • A. 5 mL.
  • B. 10 mL.
  • C. 30 mL.
  • D. 35 mL.
  • E. 40 mL.

Questão 999582

Companhia Pernambucana de Saneamento - PE (COMPESA/PE) 2018

Cargo: Analista de Saneamento - Área Engenheiro Químico / Questão 51

Banca: Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível: Superior

A constante de velocidade de primeira ordem para a decomposição de um determinado inseticida em água a 12°C é 1,45 ano-1.

A velocidade de decomposição desse inseticida (nesta temperatura, em mol. L-1. ano-1), quando sua concentração em um corpo d’água for 5,00x10-9 mol.L-1 , será de

  • A. 3,44 x 10-9
  • B. 7,25 x 10-9
  • C. 1,45 x 10-10
  • D. 5,90 x 10-10
  • E. 4,25 x 10-18

Questão 999583

Companhia Pernambucana de Saneamento - PE (COMPESA/PE) 2018

Cargo: Analista de Saneamento - Área Engenheiro Químico / Questão 52

Banca: Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível: Superior

O esgoto doméstico é uma das principais fontes de poluentes orgânicos despejados nos corpos d’água.

Se a quantidade de matéria orgânica e de microrganismos aeróbios no esgoto for alta, a diminuição da concentração de oxigênio dissolvido no meio provocará alterações no ambiente aquático.

A quantidade de oxigênio necessária para o consumo da matéria orgânica pode ser avaliada em laboratório, utilizando o excesso do reagente

  • A. oxidante K2Cr2O7 em meio ácido e posterior titulação com FeSO4 .
  • B. oxidante CeSO4 em meio ácido e posterior titulação com AgNO3 .
  • C. desinfectante NaClO em meio básico e posterior titulação com Na2S2O3 .
  • D. redutor KMnO4 em meio ácido e posterior titulação com Fe(NH4)2(SO4)2
  • E. redutor KIO3 em meio básico e posterior titulação com Na2SO4.