Questões de Concursos Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB)

Ver página FUNCAB Navegar questão a questão

Questão 1061279

Polícia Judiciária Civil - MT (PJC/MT) 2013

Cargo: Investigador de Polícia / Questão 41

Banca: Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB)

Nível: Superior

  • A. Conselho da Justiça Federal.
  • B. Tribunal Superior Eleitoral.
  • C. Conselho Nacional de Justiça.
  • D. Supremo Tribunal Federal.
  • E. Superior Tribunal de Justiça.

Questão 1061296

Polícia Judiciária Civil - MT (PJC/MT) 2013

Cargo: Investigador de Polícia / Questão 58

Banca: Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB)

Nível: Superior

São princípios constitucionais do processo penal:
  • A. presunção de inocência, contraditório e verdade real.
  • B. devido processo, ampla defesa, verdade real e dispositivo.
  • C. juiz natural, presunção da inocência, ampla defesa e contraditório.
  • D. devido processo, presunção da inocência, ampla defesa, contraditório e verdade real.
  • E. devido processo, presunção de inocência, ampla defesa, contraditório e dispositivo.

Questão 1103428

Polícia Civil do Pará - PA (PC/PA/PA) 2016

Cargo: Investigador de Polícia / Questão 8

Banca: Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB)

Nível: Superior

Ao substituir-se “um fato” por “fatos”, em: “existe um fato na Psicologia-Psiquiatria forense que é 100% de certeza”, preserva-se a norma de concordância verbal com a seguinte construção modalizadora:
  • A.

    devem haver fatos.

  • B.

    deve haver fatos.

  • C.

    deve existir fatos.

  • D.

    deve haverem fatos.

  • E.

    devem existirem fatos.

Questão 1103429

Polícia Civil do Pará - PA (PC/PA/PA) 2016

Cargo: Investigador de Polícia / Questão 9

Banca: Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB)

Nível: Superior

Mantém-se o acento grave no “a” que se lê em: “portadora de algum transtorno ligado à disritmia psicocerebral” com a substituição do complemento de “ligado” por:

  • A.

    a possíveis disritmias psicocerebraís

  • B.

    a tal ou qual disritmia psicocerebral.

  • C.

    a quaisquer disritmias psicocerebrais.

  • D.

    a uma disritmia psicocerebral.

  • E.

    a disritmia psicocerebral em pauta

Questão 1103430

Polícia Civil do Pará - PA (PC/PA/PA) 2016

Cargo: Investigador de Polícia / Questão 10

Banca: Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB)

Nível: Superior

Tal como ocorre com “interpretaÇÃO” e “dissimulaÇÃO”, grafa-se com "ç” o sufixo de ambas as palavras arroladas em:

  • A.

    submição à lei — indução ao crime

  • B.

    interceção do juiz - contenção do distúrbio

  • C.

    presunção de culpa -coerção penal

  • D.

    detenção do infrator-ascenção ao posto.

  • E.

    apreenção do menor - sanção legal.

Questão 1104015

Polícia Civil do Pará - PA (PC/PA/PA) 2016

Cargo: Delegado de Polícia Civil / Questão 4

Banca: Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB)

Nível: Superior

A primeira oração de:

Buscando esse ponto que nos coloca em contato com o outro, tão diferente e ao mesmo tempo tão próximo, talvez seja mais fácil buscar em nós mesmos espaços psíquicos que comportem escolhas menos nocivas. (§ 3)

expressa a mesma circunstância que a oração destacada em:

  • A.

    trabalhou tanto QUE ACABOU DORMINDO NO ÔNIBUS.

  • B. CASO TUDO SE MANTENHA DESSE JEITO, eu não posso confiar.
  • C. Não resolva nada ENQUANTO NÃO TIVER CERTEZA.
  • D. Continuou estudando, ENQUANDO NÃO TIVESSE RECURSO.
  • E. COMO O FILHO NADA DISSESSE, procurou se despedir.

Questão 1128660

Prefeitura de Anapólis - GO 2016

Cargo: Técnico em Enfermagem / Questão 5

Banca: Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB)

Nível: Médio

Viver ou juntar dinheiro?

Recebi uma mensagem muito interessante de um ouvinte da CBN e peço licença para lê-la na íntegra, porque ela nem precisa dos meus comentários. Lá vai:

“Prezado Max, meu nome é Sérgio. Tenho 61 anos e pertenço a uma geração azarada. Quando eu era jovem, as pessoas me diziam pra eu escutar os mais velhos que eram mais sábios; agora eles dizem pra eu escutar os mais jovens porque eles são mais inteligentes.

Na semana passada, li em uma revista um artigo no qual jovens executivos davam receitas simples e práticas para qualquer um ficar rico. E eu aprendi muitas coisas. Aprendi, por exemplo, que se tivesse simplesmente deixado de tomar um cafezinho por dia, durante os últimos quarenta anos, teria economizado 30 mil reais. Se eu tivesse deixado de comer uma pizza por mês, 12 mil reais. E assim por diante.

Impressionado, peguei um papel e comecei a fazer contas.

E descobri pra minha surpresa que hoje poderia estar milionário. Bastava não ter tomado as caipirinhas que tomei, não ter feito muitas das viagens que fiz, não ter comprado algumas das roupas caras que comprei e, principalmente, não ter desperdiçado meu dinheiro em itens supérfluos e descartáveis.

Ao concluir os cálculos, percebi que hoje poderia ter quase 1 milhão de reais na conta bancária. É claro que eu não tenho esse dinheiro! Mas, se tivesse, sabe o que esse dinheiro me permitiria fazer? Viajar, comprar roupas caras, me esbaldar com itens supérfluos e descartáveis, comer todas as pizzas que eu quisesse e tomar cafezinhos à vontade.

Por isso, acho que me sinto feliz em ser pobre. Gastei meu dinheiro com prazer e por prazer. E recomendo aos jovens e brilhantes executivos que façam a mesma coisa que fiz. Caso contrário, chegarão aos 61 anos com um monte de dinheiro, mas sem ter vivido a vida.”

(transcrição de uma coluna de Max Gehringer, na rádio CBN. Disponível em http.www.recantodasletras.com.br. Acesso em 26 nov. 2015)

Assinale a opção em que a modificação feita na frase original exige o acento indicativo de crase:

  • A.

    “chegarão aos 61 anos com um monte de dinheiro.”

    Chegarão à idade de 61 anos com um monte de dinheiro.

  • B.

    “E recomendo aos jovens e brilhantes executivos.”

    E recomendo à esses jovens executivos.

  • C.

    pertenço a uma geração azarada.”

    Pertenço à um grupo de pessoas azaradas.

  • D.

    “eles dizem pra eu escutar os mais jovens.”

    Eles dizem pra eu escutar às pessoas mais jovens.

  • E.

    “Impressionado, peguei um papel e comecei a fazer contas.”

    Impressionado, peguei à caderneta e comecei a fazer umas contas.

Questão 1128682

Prefeitura de Anapólis - GO 2016

Cargo: Técnico em Enfermagem / Questão 16

Banca: Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB)

Nível: Médio

Anápolis foi assim denominada quando foi elevada à categoria de cidade, contudo, anteriormente, outras denominações eram utilizadas para a área. Quando, o que hoje é Anápolis, foi elevada à categoria de vila, a denominação era:

  • A. Santana da Anapolina do Norte.
  • B. Nossa Senhora da Anapolina.
  • C. Anapolina.
  • D. Nossa Senhora dos Ricos.
  • E. Santana das Antas.

Questão 1128686

Prefeitura de Anapólis - GO 2016

Cargo: Técnico em Enfermagem / Questão 17

Banca: Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB)

Nível: Médio

Entre os produtos a seguir, assinale a lavoura temporária que, em 2014, último ano que os dados foram divulgados, obteve a mais extensa área plantada no município de Anápolis.

  • A. Azeitona
  • B. Soja
  • C. Melão
  • D. Tomate
  • E. Café

Questão 1128703

Prefeitura de Anapólis - GO 2016

Cargo: Técnico em Enfermagem / Questão 26

Banca: Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB)

Nível: Médio

O Brasil tem vivido momentos preocupantes com a quantidade de casos de microcefalia em recém-nascidos que vêm ocorrendo nos últimos meses. Considerando as características epidemiológicas do problema, ele é classificado como um(a):

  • A. endemia.
  • B. surto.
  • C. ataque.
  • D. pandemia.
  • E. epidemia.