Questões de Concurso de Legislação Aplicada - TCU - Legislação dos Órgãos

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão de Concurso - 949115

Concurso CGM Técnico Municipal de Controle Interno - Área Auditoria 2017

Questão 61

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Médio

Com relação ao controle exercido pelo Tribunal de Contas da União (TCU), julgue os itens que se seguem. Cabe ao TCU fiscalizar a aplicação de quaisquer recursos repassados pela União, excetuados aqueles repassados mediante convênio.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 912030

Concurso TRE PR Analista Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Contabilidade 2017

Questão 53

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

A classificação dos relatórios de gestão e dos processos de contas que se desenvolvem perante o Tribunal de Contas da União, nos termos da Instrução Normativa 63/2010, está descrita em:
  • A. “Individual”, quando envolverem um único fato controvertido; “consolidado”, quando envolverem uma pluralidade de fatos controvertidos; e “agregado”, quando aos fatos controvertidos sendo debatidos, juntarem-se outros, apontados no relatório da auditoria interna.
  • B. “Individual”, quando envolverem uma única unidade jurisdicionada; “consolidado”, quando envolverem mais de uma unidade jurisdicionada e for conveniente ao Tribunal avaliar a gestão em conjunto; e “agregado”, quando envolverem mais de uma unidade jurisdicionada e for conveniente ao Tribunal avaliar a gestão por meio do confronto das peças de cada unidade do conjunto.
  • C. “Simples”, quando envolverem um único fato controvertido; “plural”, quando envolverem uma pluralidade de fatos controvertidos; e “múltiplo”, quando aos fatos controvertidos sendo debatidos, juntarem-se outros, apontados no relatório da auditoria interna.
  • D. “Simples”, quando envolverem uma única unidade jurisdicionada; “plural”, quando envolverem mais de uma unidade jurisdicionada e for conveniente ao Tribunal avaliar a gestão em conjunto; e “múltiplo”, quando envolverem mais de uma unidade jurisdicionada e for conveniente ao Tribunal avaliar a gestão por meio do confronto das peças de cada unidade do conjunto.
  • E. “Sujeito a homologação”, quando envolverem valor abaixo do estabelecido anualmente em resolução do TCU; “da alçada das câmaras”, quando envolverem valores superiores ou iguais ao estabelecido anualmente em resolução do TCU; e “da alçada do plenário”, por escolha do plano anual de fiscalização, qualquer que seja o valor.

Questão de Concurso - 822325

Concurso TRT 20 Analista Judiciário - Área Administrativa - Especialidade: Contabilidade 2016

Questão 38

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

A prestação de contas dos gestores públicos deve conter elementos e demonstrativos que evidenciem a regular aplicação dos recursos públicos. Estão sujeitos à apresentação de relatório de gestão e à constituição de processo de contas, segundo a Instrução Normativa − TCU no 63/2010
  • A. as empresas encampadas, sob intervenção federal, estadual ou municipal, ou que, de qualquer modo, venham a integrar, provisória ou permanentemente, o patrimônio do ente da federação.
  • B. os programas de governo constantes das Diretrizes Orçamentárias previstas no inciso II do art. 165 da Constituição Federal.
  • C. as contas nacionais das empresas supranacionais de cujo capital social a União, os Estados ou Municípios venham a participar, de forma direta ou indireta, nos termos do respectivo tratado constitutivo.
  • D. as empresas contratadas pela administração publica federal para execução de obras e serviços públicos.
  • E. os órgãos e entidades da administração pública federal direta e indireta, incluídas as fundações e empresas estatais, bem como suas unidades internas.

Questão de Concurso - 828513

Concurso TRE PI Técnico Judiciário - Área: Administrativa 2015

Questão 68

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Médio

Conforme orientações e manuais publicados pelo Tribunal de Contas da União, as fases de um convênio são
  • A. proposição, celebração ou formalização, execução e prestação de contas.
  • B. definição de unidade executora, elaboração do termo de referência e padronização.
  • C. estabelecimento de consórcios públicos, definição de convenentes e assinatura de termo aditivo.
  • D. chamamento público, cadastramento, proposta de trabalho e repasse.
  • E. regulamentação, assinatura de acordo, definição dos partícipes e execução.

Questão de Concurso - 786560

Concurso TCU Auditor Federal de Controle Externo - Área Auditoria Governamental 2015

Questão 31

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

No que diz respeito ao TCU, julgue os itens a seguir. As instruções normativas destinadas aos órgãos públicos dos Poderes Executivo e Judiciário expedidas pelo TCU no exercício de sua competência possuem caráter orientador, podendo ser modificadas por normas específicas, dado o princípio da autonomia dos poderes da União.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 866264

Concurso TRT 3 Analista Judiciário - Área Administrativa - Especialidade: Contabilidade 2015

Questão 44

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

Para executar trabalhos de auditoria, os auditores devem ter bom conhecimento das técnicas e dos procedimentos de auditoria a fim de que possam obter evidências suficientes, adequadas, relevantes e em bases razoáveis para comprovar os achados e sustentar suas opiniões e conclusões. Segundo as Normas de Auditoria do Tribunal de Contas da União – NAT, são atributos das evidências:
  • A. materialidade, legalidade, adequabilidade e suficiência.
  • B. legalidade, razoabilidade, confiabilidade e relevância.
  • C. validade, confiabilidade, relevância e suficiência.
  • D. materialidade, legalidade, razoabilidade e relevância.
  • E. validade, confiabilidade, objetividade e razoabilidade.

Questão de Concurso - 774923

Concurso CNMP Analista do CNMP - Área Apoio Técnico Administrativo - Área Controle Interno 2014

Questão 58

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

Com relação a Constituição da República em seu art. 70, § único “prestará contas qualquer pessoa física ou jurídica, pública ou privada, que utilize, arrecade, guarde, gerencie ou administre dinheiros, bens e valores públicos ou pelos quais a União responda, ou que, em nome desta, assuma obrigações de natureza pecuniária”, em que a I.N. no 63/2010 do TCU em seu art. 10 estabelece no rol de responsáveis, o dirigente máximo da unidade jurisdicionada, membros da diretoria e membros de órgão colegiado, responsáveis por ato de gestão que possa causar impacto na economicidade, eficiência e eficácia da unidade jurisdicionada. Entretanto, no processo de contas, os órgãos de controle interno podem propor a inclusão de responsáveis não relacionados no rol, quando o Tribunal ao julgar as contas, decidir como
  • A. regulares, quando expressarem, de forma clara e objetiva, a exatidão dos demonstrativos contábeis, a legalidade, a legitimidade e a economicidade dos atos de gestão do responsável.
  • B. regulares com ressalva, quando evidenciarem impropriedade ou qualquer outra falta de natureza formal de que não resulte dano ao erário.
  • C. sem ressalva mas com parágrafo de ênfase por restrição de escopo.
  • D. irregulares, quando comprovado dano ao erário decorrente de ato de gestão ilegítimo ao antieconômico.
  • E. regulares com ressalva por prática de ato de gestão ilegal, ilegítimo, antieconômico, ou infração à norma legal ou regulamentar de natureza contábil, financeira, orçamentária, operacional ou patrimonial, na qual fixar-se-á a responsabilidade solidária do agente público e do terceiro que haja concorrido para o dano.

Questão de Concurso - 786600

Concurso TCU Auditor Federal de Controle Externo - Área Auditoria Governamental 2015

Questão 71

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

Com relação às normas de auditoria emanadas do TCU e de organismos internacionais, julgue os itens que se seguem. O auditor deve declarar seu impedimento e suspeição em toda situação em que haja risco de que sua independência e sua imparcialidade sejam influenciadas quando do desempenho de suas funções, ainda que a influência não ocorra de fato.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 786607

Concurso TCU Auditor Federal de Controle Externo - Área Auditoria Governamental 2015

Questão 78

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

Acerca do trabalho de acompanhamento e controle realizado após a conclusão da auditoria no âmbito do TCU, julgue os itens subsequentes. Caso determinada unidade jurisdicionada do TCU sofra processo de desestatização, a constituição do respectivo processo de contas deverá ser instruída com a comunicação do encerramento do processo modificador ao órgão de controle interno e ao TCU, pelo responsável da unidade.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 686926

Concurso TRT 18 Analista Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Contabilidade 2013

Questão 52

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

Ao servidor do Tribunal de Contas da União é condenável a prática de qualquer ato que atente contra a honra e a dignidade de sua função pública, os compromissos éticos assumidos no código de ética do TCU e os valores institucionais, sendo-lhe vedado, ainda:

  • A.

    manter atitude de independência em relação ao fiscalizado, evitando postura de superioridade, inferioridade ou preconceito relativo a indivíduos, órgãos e entidades, projetos e programas.

  • B.

    tratar autoridades, colegas de trabalho, superiores, subordinados e demais pessoas com quem se relacionar em função do trabalho, com urbanidade, cortesia, respeito, educação e consideração, inclusive quanto às possíveis limitações pessoais.

  • C.

    participar das atividades de capacitação e treinamento necessárias ao seu desenvolvimento profissional.

  • D.

    publicar, sem prévia e expressa autorização, estudos, pareceres e pesquisas realizados no desempenho de suas atividades no cargo ou função, cujo objeto ainda não tenha sido apreciado.

  • E.

    apresentar-se ao trabalho com vestimentas adequadas ao exercício do cargo ou função, evitando o uso de vestuário e adereços que comprometam a boa apresentação pessoal, a imagem institucional ou a neutralidade profissional.