Legislação Federal Códigos Código de Ética dos Profissionais de Enfermagem

Ao assumir o cargo, o enfermeiro constatou que, recentemente, havia sido implantado o prontuário eletrônico no ambulatório onde desenvolveria suas funções. Frente a essa situação, de acordo com a nova redação do Código de Ética dos Profissionais de Enfermagem (COFEN, 2017), o enfermeiro deve
  • A. digitar seu nome completo e número de inscrição no Conselho Regional de Enfermagem, após a descrição do cuidado prestado.
  • B. solicitar a certificação de sua assinatura, conforme legislação vigente, para que possa utilizá-la no prontuário eletrônico ao registrar a assistência prestada.
  • C. copiar e colar a imagem digitalizada de sua assinatura ou rubrica ao final da descrição do cuidado de enfermagem prestado.
  • D. digitar seu nome completo ou social, categoria e número de inscrição no Conselho Regional de Enfermagem do estado onde atua, após a descrição do cuidado de enfermagem prestado.
  • E. copiar e colar a imagem digitalizada de seu carimbo onde deve constar seu nome social, número e categoria de inscrição no Conselho Regional de Enfermagem do estado onde concluiu o curso.