Língua Portuguesa Conhecimentos específicos de Língua Portuguesa Metodologia de ensino de língua portuguesa Prática de análise linguística (ensino)

"A língua (no sentido sociolingüístico do termo) não está de antemão pronta, dada como um sistema de que o sujeito se apropria para usá-la segundo suas necessidades específicas do momento da interação, mas que o próprio processo interlocutivo, na atividade de linguagem, a cada vez a (re)constrói." (Geraldi, 1991: 6). Do enunciado dado acima, que coloca o sujeito no centro da ação lingüística, pode-se aferir que:

  • A.

    A linguagem é forma de expressão do pensamento e, como tal, importa ao seu usuário o domínio de um conjunto de regras gramaticais categóricas que determinam como se deve falar e escrever.

  • B.

    A linguagem é forma de comunicação e seu sucesso depende do conhecimento que o emissor e seu(s) receptor(es) possuem do código lingüístico por meio do qual se expressam.

  • C.

    A linguagem é forma de interação e se constrói a todo momento, nas situações de uso da língua.

  • D.

    No ensino da língua, é importante que se considere a gramática, conforme Cegalla (1989), como um meio posto a nosso alcance para disciplinar a linguagem e atingir a forma ideal da expressão oral e escrita.