Questões de Concurso de Sintaxe de regência - Língua Portuguesa

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão de Concurso - 1043401

Concurso TJ/SP Médico Judiciário 2018

Questão 12

Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP)

Nível Superior

Os resultados da atuação dos clubes de leitura,______________ , apresentaram ganhos mais concretos do que se pode imaginar.

Para estar de acordo com a norma-padrão de regência, a lacuna dessa frase deve ser preenchida por:

  • A. a que os pesquisadores realizaram um detalhamento
  • B. a que os pesquisadores deram realce
  • C. com que os pesquisadores centraram a atenção
  • D. de que os pesquisadores pormenorizaram
  • E. com que os pesquisadores se debruçaram

Questão de Concurso - 1056470

Concurso CRESS Auxiliar de Serviços Gerais 2019

Questão 16

Instituto Quadrix

Nível Fundamental

No que diz respeito à ortografia oficial e à conjugação dos verbos regulares, irregulares e auxiliares, julgue os itens de 15 a 17. Algumas famílias sempre imporam sua autoridade aos filhos por meio da violência, ora física, ora psicológica.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 961582

Concurso DETRAN Analista de Trânsito 2017

Questão 12

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

Está plenamente correto o emprego de ambos os elementos sublinhados em:
  • A. É patente a admiração à qual o autor do texto se vê tomado pelo cronista Rubem Braga, de cujo estilo também analisa à perfeição.
  • B. Não se deve assumir como boas qualidades os vícios que, tão diligentemente, pretendem-se assim mascarar-se.
  • C. É comum que se registre no estilo de um escritor sincero como Rubem Braga as marcas que em sua linguagem se impõe como testemunho de coragem.
  • D. As grandes experiências e sentimentos, de cujo peso nos curvamos, costumam refletir-se na linguagem em cuja nos confessamos.
  • E. Não será por medos tolos ou inseguranças pueris que Rubem Braga deixará de expor, nas crônicas pelas quais se notabilizou, suas confissões mais pessoais.

Questão de Concurso - 939664

Concurso IPRESB Agente Previdenciário 2017

Questão 5

Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP)

Nível Médio

Considere a frase.

 De acordo com a norma-padrão da língua portuguesa, as lacunas da frase devem ser preenchidas, respectivamente, por:

  • A. se recusar de … estão implicadas em
  • B. se eximir de … têm elo à
  • C. se abster com … têm vínculos em
  • D. se negar a … estão comprometidas com
  • E. se furtar com … têm ligação à

Questão de Concurso - 944612

Concurso

Questão 6

Nível

De acordo com a norma-padrão, assinale a alternativa correta quanto à pontuação e à regência.
  • A. Cabe lembrar que, a ausência de estímulos do gênero aos trabalhadores, foi uma das razões do fracasso do socialismo real ao longo dos anos.
  • B. Cabe lembrar de que uma das razões do fracasso do socialismo real foi ao longo dos anos a ausência de estímulos do gênero aos trabalhadores.
  • C. Cabe lembrar que, ao longo dos anos, uma das razões do fracasso do socialismo real foi a ausência de estímulos do gênero aos trabalhadores.
  • D. Cabe lembrar, que uma das razões do fracasso do socialismo real, ao longo dos anos, foi a ausência de estímulos do gênero aos trabalhadores.
  • E. Cabe lembrar de que ao longo dos anos, uma das razões do fracasso do socialismo real, foi a ausência de estímulos do gênero aos trabalhadores.

Questão de Concurso - 884832

Concurso TJ/SP Assistente Social Judiciário 2017

Questão 24

Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP)

Nível Superior

Evanildo Bechara, em sua Moderna Gramática Portuguesa, ensina que “os verbos que apresentam significado lexical referente a realidades bem concretas não necessitam de outros signos léxicos. A tradição gramatical chama intransitivos a tais verbos”. O exposto pelo autor está corretamente exemplificado pelo verbo destacado em:
  • A. ... que lhe faltava dantes.
  • B. Ficou boa, mas desfigurada...
  • C. havia um obstáculo à minha felicidade...
  • D. Fadinha [...] teve a existência por um fio.
  • E. Ainda vivem.

Questão de Concurso - 864966

Concurso Analista de Sistemas 2016

Questão 10

Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP)

Nível Superior

Comecei ________ conversar com a aluna e entendi que caberia a mim escolher o título de seu estudo. Perguntei ________ ela o que achava de “Garruchas e punhais”. Não gostou. Então, dei outra sugestão _______ moça: “O mosteiro de tijolos de feltro”.

De acordo com a norma-padrão, as lacunas da frase devem ser preenchidas, respectivamente, com:

  • A. a … a … àquela
  • B. à … a … àquela
  • C. a … à … aquela
  • D. à … à … aquela
  • E. a … à … àquela

Questão de Concurso - 921085

Concurso TJ/PE Analista Judiciário - Área Função Judiciária 2017

Questão 6

Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC)

Nível Superior

Texto I

Há algum tempo, venho estudando as piadas, com ênfase em sua constituição linguística. Por isso, embora a afirmação a seguir possa parecer surpreendente, creio que posso garantir que se trata de uma verdade quase banal: as piadas fornecem simultaneamente um dos melhores retratos dos valores e problemas de uma sociedade, por um lado, e uma coleção de fatos e dados impressionantes para quem quer saber o que é e como funciona uma língua, por outro. Se se quiser descobrir os problemas com os quais uma sociedade se debate, uma coleção de piadas fornecerá excelente pista: sexualidade, etnia/raça e outras diferenças, instituições (igreja, escola, casamento, política), morte, tudo isso está sempre presente nas piadas que circulam anonimamente e que são ouvidas e contadas por todo mundo em todo o mundo.[...]

Mas as piadas também podem servir de suporte empírico para uma teoria mais aprofundada e sofisticada de como funciona uma língua, especialmente porque se trata de um corpus que, além de expor traços do que nela é sistemático (gramatical) e, paradoxalmente, “desarrumado”, contribui para deixar muito claro que uma língua funciona sempre em relação a um contexto culturalmente relevante e que cada texto requer uma relação com outros textos. [...]

A conclusão óbvia é que uma língua não é como nos ensinaram: clara e relacionada diretamente a um fato ou situação que ela representa como um espelho. Praticamente cada segmento da língua deriva para outro sentido, presta-se a outra interpretação, por razões variadas. Pelo menos, é o que as piadas mostram. E elas não são poucas. Ou, no mínimo, nós as ouvimos muitas vezes.

(POSSENTI, Sírio. O humor e a língua. Ciência Hoje. Rio de Janeiro, SBPC, v.30, n.176, out. 2001)

No trecho “Se se quiser descobrir os problemas com os quais uma sociedade se debate, uma coleção de piadas fornecerá excelente pista:”, a preposição em destaque ocorre em função de uma exigência de regência. Dentre as frases abaixo, assinale aquela em se verifica um ERRO no emprego do termo regido em destaque.
  • A. O supervisor chamou todos os funcionários.
  • B. O adiamento do evento implicará em corte de verbas.
  • C. Eles não se esqueceram da data da audiência.
  • D. Os candidatos visavam a um resultado eficiente.
  • E. Perdoaram aos agressores.

Questão de Concurso - 871394

Concurso TRT 15 Analista Judiciário - Área Apoio Especializado Odontologia (Endodontia) 2015

Questão 7

Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível Superior

No contexto dado, possui a mesma regência do verbo presente no segmento A escravidão que denunciava com dureza, o que se encontra sublinhado em:
  • A. Quem fala, hoje, dos 30 milhões de escravos... (8º parágrafo)
  • B. ... número que hoje oscila entre os 13 milhões e os 14 milhões... (5º parágrafo)
  • C. ... antes de portugueses ou espanhóis comprarem negros na África rumo ao Novo Mundo. (7º parágrafo)
  • D. ... o Global Slavery Index é um belo retrato da nossa miséria... (4º parágrafo)
  • E. Não é preciso assistir a 12 Anos de Escravidão... (1º parágrafo)

Questão de Concurso - 1202452

Concurso Assistente de Gestão de Políticas Públicas - Área Gestão Administrativa 2019

Questão 10

Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP)

Nível Médio

Leia o texto para responder às questões de números 08 e 10.


A distância


          Sempre defendi a tese de que foi a preguiça que trouxe a civilização. O que foi a invenção da roda senão o prenúncio da charrete e um triunfo do comodismo? Fomos a primeira espécie a criar um jeito de não ir, mas ser levada. A razão do hominídeo para deflagar o processo que resultou no controle remoto foi prática, a de atingir uma presa sem arriscar a ser mordido, ou almoçar sem ser almoçado. O primeiro lance do longo processo que terminou com o implante no cérebro foi a pedra arremessada. Depois vieram a lança, o estilingue, o arco e a flecha, a catapulta, as armas de fogo, o foguete intercontinental, o drone – todos os engenhos para evitar chegar perto.

           A distância sempre foi um inimigo natural do Homem, ou pelo menos do Homem Preguiçoso. Vencê-la foi o nosso grande desafio intelectual, e agora se abre a possibilidade de subjugá-la só com o intelecto, desprezando os instrumentos que, da pedra à internet, nos ajudaram até aqui. Estamos simbolicamente de volta à savana primeva1, pensando em como empurrar aquele mamute para dentro do fosso sem precisar ir lá, mas agora o pensamento basta. A vontade se realizará sozinha, sem as mãos, sem mais nada. A preguiça cumpriu sua missão histórica.

(Luis Fernando Veríssimo [org. Adriana Falcão e Isabel Falcão], “A distância”. Ironias do tempo, 2018. Adaptado) 1 primeva: primitiva, dos tempos de outrora


Assinale a alternativa em que a regência está em conformidade com a norma-padrão.

  • A.

    O homem desde sempre ansiou em vencer a distância, e a história mostrou que ele foi capaz nisso.

  • B.

    O homem desde sempre aspirou por vencer a distância, e a história mostrou que ele esteve apto disso.

  • C.

    O homem desde sempre pretendeu de vencer a distância, e a história mostrou que ele esteve apto nisso.

  • D.

    O homem desde sempre aspirou de vencer a distância, e a história mostrou que ele esteve apto para isso.

  • E.

    O homem desde sempre ansiou por vencer a distância, e a história mostrou que ele foi capaz disso.