Medicina Especialidade Anestesiologia

Uma paciente de 35 anos de idade apresenta dor abdominal, principalmente em epigástro e hipocôndrio direito, além de alguns episódios de náuseas. Tem três gestações prévias e atualmente faz uso de anovulatórios orais. Ao exame físico, encontrava-se em bom estado geral, corada, anictérica e com exame abdominal normal. Realizou tomografia computadorizada de abdome, que mostrou tumoração sólida, bem delimitada e com realce homogêneo na fase arterial em segmento II do fígado de 5,5 cm. Outros exames revelaram bilirrubina total de 0,6 (normal até 1), alfa-fetoproteína igual a 2,2 (normal até 7) e sorologias negativas para hepatite A, B e C.

Com base nesse caso hipotético, assinale a alternativa que apresenta conduta correta.

  • A. Deve-se indicar arteriografia hepática com embolização da lesão devido à sua característica hipervascular.
  • B. A hepatectomia esquerda está indicada porque o provável diagnóstico é de hepatocarcinoma.
  • C. A biópsia guiada por ultrassom está indicada por se tratar de hemangioma.
  • D. Lesões com características benignas necessitam apenas de observação clínica com acompanhamento tomográfico anual.
  • E. Deve-se realizar segmentectomia lateral esquerda videolaparoscópica devido ao diagnóstico de adenoma hepático.