Medicina Especialidade Cardiologia

As miocardiopatias constituem um grupo de doenças cardíacas cuja característica fundamental é o envolvimento principal do músculo cardíaco (miocárdio). Acerca das miocardiopatias primárias marque a única opção incorreta.

  • A.

    A miocardiopatia dilatada (ou congestiva) é a forma mais comum de doença do músculo cardíaco e caracteriza-se pela dilatação ventricular e acentuada disfunção inotrópica.

  • B.

    A miocardiopatia hipertrófica é uma doença de caráter genético (autossômico recessivo), cujas principais características são a hipertrofia (desproporcional à sobrecarga hemodinâmica) e a decorrente disfunção lusitrópica.

  • C.

    Do ponto de vista hemodinâmico, a miocardiopatia hipertrófica é classificada em obstrutiva e nãoobstrutiva, na dependência da presença ou não de um gradiente pressórico dinâmico na via de saída subaórtica.

  • D.

    A forma menos comum de doença do músculo cardíaco é representada pela miocardiopatia restritiva, que se caracteriza por paredes ventriculares rígidas, alteração importante e precoce do lusitropismo e mais tardiamente do inotropismo.

  • E.

    Uma distinção, nem sempre fácil porém obrigatória, deve ser feita entre a miocardiopatia restritiva e a pericardite constritiva, entre as diversas variáveis usadas para essa diferenciação cita-se o estudo cardíaco por meio da ressonância magnética nuclear.