Medicina Especialidade Cardiologia

             Um jovem negro de 18 anos de idade procurou o ambulatório de um hospital geral apresentando poliartralgia periférica e lesões cutaneomucosas disseminadas, com aspecto psoriasiforme. Ele relatou ter tido episódio prévio de infecção intestinal há três semanas. No momento da consulta médica, foram observados edema, dor à mobilização e rigidez das articulações dos cotovelos, joelhos e tornozelos, com limitação dos movimentos. No exame dermatológico, foram observadas placas eritêmato-escamocrostosas, localizadas no tronco e nos membros superiores e inferiores, e lesões eritêmato-escamosas de aspecto circinado na glande. O hemograma mostrou anemia com leucocitose discreta, velocidade de hemossedimentação acelerada (62 mm/h) e proteína C reativa qualitativa aumentada (+++). A pesquisa do fator reumatoide foi negativa pela reação do látex e a do antígeno do complexo de histocompatibilidade (HLA-B27) foi positiva. As reações sorológicas para sífilis (VDRL e FTA-ABS) e para anticorpos anti-HIV (ELISA) foram negativas. Sumário de urina sem anormalidades. A coprocultura mostrou-se positiva para Salmonella enteritidis. O exame radiográfico da articulação do joelho mostrou somente sinais de derrame articular. A análise do fluido articular evidenciou neutrofilia e hiperproteinemia, culturas negativas. A avaliação oftalmológica não mostrou alterações. A análise dos dados clínicos laboratoriais possibilitou o diagnóstico de artrite reativa, também chamada de síndrome de Reiter.

 

Com relação a esse caso clínico e à referida síndrome, julgue os itens de 79 a 83.

Esse tipo de doença pode estar associado a infecções causadas por Chlamydia trachomatis, Yersinia, Shigella e Campylobacter, além da Salmonella.

  • C. Certo
  • E. Errado