Medicina Especialidade Cardiologia

Uma mulher de 32 anos de idade é atendida com queixa de cansaço a esforços moderados que se iniciou durante sua gravidez, há 2 anos, e que vem piorando nos últimos meses. Refere que durante a gestação havia sido informada que deveria procurar um cardiologista, pois apresentava um distúrbio no ritmo. Com o dia a dia atribulado de cuidar da criança recémnascida acabou não seguindo a orientação. Há três semanas foi atendida em uma UPA e, novamente, lhe foi informado que apresentava uma arritmia. Finalmente, busca atendimento em uma clínica de família e ao ser examinada percebe-se que seu ritmo está muito irregular e que há um sopro diastólico no foco mitral, além de uma frequência cardíaca de 90 bpm e pressão arterial de 124/80 mmHg. A abordagem a ser feita nessa paciente é:
  • A. iniciar anticoagulação com warfarina
  • B. iniciar anticoagulação com dabigatran
  • C. submeter a paciente à cardioversão elétrica
  • D. avaliar o escore de risco para embolização através do CHA2DS2VASC e decidir sobre a anticoagulação