Medicina Especialidade Cirurgias Cirurgia Pediátrica

Um paciente de 20 anos de idade comparece ao pronto atendimento, no final da tarde, queixando-se de dor abdominal em região periumbilical que se iniciou no dia anterior, após alimentação copiosa no almoço e, no dia corrente, aumentou de intensidade, migrando para fossa ilíaca direita, com náuseas e dois episódios de vômitos. Nega outras queixas. Ao exame do abdome, apresenta dor à descompressão brusca de fossa ilíaca direita e ausência de megalias palpáveis. Os sinais vitais na chegada são pressão arterial de 120 mmHg x 80 mmHg, frequência cardíaca de 70 bpm, frequência respiratória de 16 irpm e saturação de O 2 de 100% em ar ambiente. Realizou hemograma com o seguinte resultado: 8.590 leucócitos, sem desvio à esquerda e exame de urina normal. Não há exame de imagem disponível. Em relação a esse caso clínico e com base nos conhecimentos médicos correlatos, julgue os itens a seguir. Esse paciente deve ser operado, pois 10% dos pacientes com apendicite podem apresentar hemograma normal, e a clínica é soberana.
  • C. Certo
  • E. Errado