Medicina Especialidade Clínica Geral

Uma paciente de sessenta anos de idade foi ao pronto‐socorro com queixa de dor abdominal associada à distensão abdominal difusa, vômitos e diminuição da eliminação de flatos. Não evacuava há quatro dias. Ao exame físico, apresentou‐se em regular estado geral e desidratada. A frequência cardíaca era de 90 batimentos por minuto. O abdome encontrava‐se distendido, doloroso difusamente à palpação profunda e sem sinais de peritonite. Apresentava ainda cicatriz de laparotomia mediana em região infraumbilical por histerectomia realizada há cinco anos. Presença de hérnia femoral à direita, dolorosa e não redutível. Foi realizado toque retal, que mostrou ausência de fezes em ampola retal. Radiografias de abdome na posição em pé e deitada apresentavam sinal de empilhamento de moeda e presença de níveis hidroaéreos, sem outras alterações. Com base nessa situação hipotética, assinale a alternativa correta.
  • A. A paciente apresenta um quadro de abdome agudo obstrutivo por bridas e seu tratamento deve ser realizado com jejum, hidratação, analgesia, uma sonda nasogástrica e observação do débito por 48 horas para resolução do quadro de obstrução.
  • B. A paciente apresenta um quadro de abdome agudo obstrutivo por bridas, sendo o tratamento de escolha a realização de laparotomia exploradora para lise de bridas.
  • C. A paciente apresenta um abdome agudo obstrutivo por hérnia femoral e deve realizar uma laparotomia exploradora para redução dessa hérnia.
  • D. A paciente apresenta um abdome agudo obstrutivo por hérnia femoral encarcerada que deve ser tratado por meio da redução do conteúdo herniário.
  • E. A paciente apresenta um quadro de abdome agudo obstrutivo por hérnia encarcerada e deve ser tratada por meio de inguinotomia exploradora à direita.