Questões de Concurso de Endocrinologia - Medicina

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão 1021464

Irmandade de Santa Casa de Misericórdia de São Paulo - SP (ISCMSP/SP) 2018

Cargo: Médico Residente / Questão 37

Banca: Instituto Quadrix

Nível: Superior

Um casal procurou o serviço de endocrinologia ginecológica com queixa de infertilidade primária há um ano. Ela, com 35 anos de idade, queixava‐se de irregularidade menstrual, negava doenças, era nuligesta e não tinha antecedentes familiares relevantes. Trouxe ultrassonografia transvaginal com o útero em anteversoflexão, ovário direito e esquerdo com os volumes, respectivamente, de 15 mL e 16 mL, e múltiplos folículos antrais, sem presença de folículo dominante. Mostrou histerossalpingografia sem alterações. Além disso, apresentou exames de sangue com os seguintes resultados: TSH, testosterona total, sulfato de dehidroepiandrostenediona e 17 hidroxiprogesterona normais e FSH de 6 mUi/dl (normal até 12 mUI/dl). O exame de progesterona era compatível com fase folicular do ciclo. Ele, com 38 anos de idade, sem queixas, negou doenças e antecedentes familiares e mostrou espermograma sem alterações. O médico, após avaliação dos exames, realizou a prescrição de citrato de clomifeno.

Com base nesse caso hipotético, assinale a alternativa correta.

  • A. O uso do citrato de clomifeno na paciente é associado a um risco elevado de hiperestímulo ovariano.
  • B. Trata‐se de um modulador seletivo dos receptores de estrogênio que cursa com o aumento do FSH ao causar a diminuição da pulsatilidade do GnRH, devido ao bloqueio do feedback negativo hipotalâmico do estrogênio circulante.
  • C. A eficácia do uso do citrato de clomifeno é semelhante à do uso de gonadotropina na paciente, entretanto o citrato de clomifeno possui um maior risco de gestações gemelares.
  • D. Classicamente, utiliza‐se o remédio durante cinco dias, do 10.º ao 14.º ciclo menstrual.
  • E. As taxas de sucesso do tratamento com o citrato de clomifeno são inferiores quando a paciente é obesa.

Questão 1033125

Metro Recôncavo Norte - BA (MRN/BA) 2019

Cargo: Médico Especialista em Endocrinologia / Questão 28

Banca: Fundação CEFETBAHIA / Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (CEFETBAHIA)

Nível: Superior

Paciente feminina, 45 anos, usuária de prednisona 5mg pela manhã e 2,5mg às 16h, e de levotiroxina 100 mg como únicos medicamentos para tratar síndrome de Addison e doença de Hashimoto, respectivamente, passou a evoluir com anemia e elevação do TSH. Afastadas modificações no peso corpóreo e uso inadequado do hormônio tireoidiano. Após a realização de exames, ___________________________ contribui para a compreensão do aumento do TSH. A alternativa que preenche, corretamente, a lacuna do trecho acima é
  • A. a presença de ferritina baixa
  • B. o hormônio adrenocorticotrófico elevado
  • C. a presença de níveis glicêmicos reduzidos
  • D. a presença de anticorpo anti-tireoglobulina
  • E. a presença de anticorpo anti-células parietais

Questão 1033126

Metro Recôncavo Norte - BA (MRN/BA) 2019

Cargo: Médico Especialista em Endocrinologia / Questão 29

Banca: Fundação CEFETBAHIA / Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (CEFETBAHIA)

Nível: Superior

Considerando a terapêutica medicamentosa para pacientes diabéticos com doença cardiovascular estabelecida, a respeito dos agonistas do GLP-1(AGLP-1) e dos inibidores de SGLT2(ISGLT2), é correto afirmar que
  • A. os AGLP-1 reduzem eventos cardiovasculares como efeito de classe.
  • B. a presença de insuficiência cardíaca contraindica o AGLP-1 enquanto classe.
  • C. há comprovação da redução de eventos cardiovasculares com AGLP-1 e ISGLT2 para qualquer HbA1c.
  • D. se presença de doença renal crônica com eGFR 30–60 mL min–1 [1.73 m]–2, os ISGLT2 devem ser priorizados.
  • E. estudos com ambas as classes de medicamentos definiram a substituição da metformina como primeira escolha.

Questão 1033127

Metro Recôncavo Norte - BA (MRN/BA) 2019

Cargo: Médico Especialista em Endocrinologia / Questão 30

Banca: Fundação CEFETBAHIA / Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (CEFETBAHIA)

Nível: Superior

A respeito do anticorpo antirreceptor de TSH(TRAb) na doença de Graves, é correto afirmar que
  • A. a sua dosagem é indispensável para o diagnóstico etiológico do hipertiroidismo.
  • B. a sua dosagem tem valor prognóstico, repercutindo na interrupção do tratamento.
  • C. a sua dosagem na gestante, ainda que auxilie diagnóstico, não tem implicações fetais.
  • D. desencadeia a oftalmopatia, que se resolve com a redução da produção de levotiroxina.
  • E. a sua dosagem tem valor exclusivo no diagnóstico, por isso a sua repetição consiste em um custo desnecessário.

Questão 1033128

Metro Recôncavo Norte - BA (MRN/BA) 2019

Cargo: Médico Especialista em Endocrinologia / Questão 31

Banca: Fundação CEFETBAHIA / Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (CEFETBAHIA)

Nível: Superior

Paciente masculino, 70 anos, diabético há 10 anos, admitido no pronto-atendimento com alteração do nível de consciência. Conforme informado por familiar, no último mês, o paciente fez seu checkup anual com vários especialistas médicos e teve alguns de seus medicamentos usuais alterados. Passou a apresentar poliúria, nictúria e polifagia, evoluindo para o quadro atual. Glicemia na admissão: 600mg/dl.

Considerando que, de fato, a modificação dos medicamentos desencadeou a hiperglicemia, a alternativa que descreve uma potencial justificativa para o quadro atual é a introdução

  • A. da Losartana, 50 mg/dia.
  • B. de Omeprazol, 20 mg/dia.
  • C. de Olanzapina, 5 mg/dia.
  • D. de Ciprofibrato, 100 mg/dia.
  • E. de Clonazepam, 0,5 mg/ dia.

Questão 1033129

Metro Recôncavo Norte - BA (MRN/BA) 2019

Cargo: Médico Especialista em Endocrinologia / Questão 32

Banca: Fundação CEFETBAHIA / Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (CEFETBAHIA)

Nível: Superior

A respeito do conteúdo mineral ósseo aferido por densitometria e o risco de fraturas na mulher após a menopausa, é correto afirmar que
  • A. o escore T = -2,5 define osteoporose com o mesmo risco de fratura para jovens e idosas.
  • B. o escore T = -2,5 na coluna lombar prediz igual risco de fratura em qualquer sítio do esqueleto.
  • C. o escore T = -2,5 define um ponto de inflexão onde o risco de fraturas aumenta exponencialmente.
  • D. o escore T entre -1,0 e -2,5 define osteopenia, estado precursor da osteoporose, sem risco de fraturas.
  • E. o escore Z = -1,0 define um risco de fraturas 1,5 vezes maior do que a população de referência da mesma idade e sexo.

Questão 1033130

Metro Recôncavo Norte - BA (MRN/BA) 2019

Cargo: Médico Especialista em Endocrinologia / Questão 33

Banca: Fundação CEFETBAHIA / Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (CEFETBAHIA)

Nível: Superior

Considerando o diagnóstico da Síndrome dos Ovários Policísticos (SOP), é correto afirmar que
  • A. a descrição de ciclos menstruais regulares afasta oligo-anovulação e, consequentemente, o diagnóstico de SOP.
  • B. o hiperandrogenismo clínico, quando presente, é critério diagnóstico quando se apresenta com, pelo menos, um dos seguintes achados: hirsutismo, acne e/ou alopecia.
  • C. o hiperandrogenismo laboratorial é o achado mais fácil de comprovar a SOP, devido à confiabilidade da dosagem da testosterona livre por métodos imunoquimioluminescentes.
  • D. considerando que a SOP é um diagnóstico de exclusão, a solicitação de DHEA, de Androstenediona e dihidrotestosterona são úteis para afastar alguns diagnósticos diferenciais.
  • E. a presença de 25 folículos (transdutores com frequência > ou = 8MHz) e/ou volume ovariano > 10ml (transdutores frequência < 8 MHz ou quando rota transvaginal não disponível) é critério de SOP.

Questão 1033131

Metro Recôncavo Norte - BA (MRN/BA) 2019

Cargo: Médico Especialista em Endocrinologia / Questão 34

Banca: Fundação CEFETBAHIA / Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (CEFETBAHIA)

Nível: Superior

A respeito do tratamento cirúrgico da obesidade, seu acompanhamento pré e pós-operatório, é correto afirmar que
  • A. uma complicação frequente na cirurgia de Sleeve é a desnutrição proteica com hipoalbuminemia, que deve ser monitorada em intervalos regulares.
  • B. a deficiência do microelemento Zinco é incomum nos procedimentos cirúrgicos para obesidade e, quando acontece, pode vir com hipogeusia e sonolência.
  • C. diante da presença pré-operatória de refluxo-gastroesofágico, a cirurgia de bypass gástrico em Yde- Roux deve ser priorizada em relação a cirurgia de Sleeve.
  • D. a deficiência de ferro ocorre devido à falta do ácido gástrico, importante para a oxidação da forma ferrosa para férrica do elemento, e está presente igualmente entre os gêneros.
  • E. a melhora dos níveis glicêmicos, que, habitualmente, ocorre após a cirurgia em paciente com diabetes tipo 2, demora alguns meses para acontecer, pois depende exclusivamente da perda de peso.

Questão 1033132

Metro Recôncavo Norte - BA (MRN/BA) 2019

Cargo: Médico Especialista em Endocrinologia / Questão 35

Banca: Fundação CEFETBAHIA / Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (CEFETBAHIA)

Nível: Superior

Paciente feminina, 62 anos, menopausada aos 51 anos, refere que há três meses, assintomática, sem motivo aparente, teve prolactina sérica solicitada de 65 ng/ml. A repetição subsequente do exame resultou em 58 ng/ml. Tal confirmação resultou em solicitação de exame de ressonância magnética (RNM) de sela túrcica: adenoma hipofisário com 1,2 cm, restrito à sela, com desvio discreto de haste hipofisária para esquerda, sem compressão de seios cavernosos ou quiasma óptico. Sobre esse caso clínico, é correto afirmar que
  • A. a melhor conduta subsequente é iniciar com agonista dopaminérgico para reduzir a prolactina.
  • B. o desvio da haste hipofisária em um adenoma não produtor poderia justificar os achados descritos.
  • C. há necessidade imediata de abordagem cirúrgica do adenoma pela possibilidade de crescimento rápido.
  • D. o achado da ressonância magnética sugere fortemente que o tumor hipofisário deve ser um prolactinoma.
  • E. a descoberta do adenoma abrevia a avaliação da fonte de prolactina, tornando desnecessária a busca por outras causas.

Questão 1033133

Metro Recôncavo Norte - BA (MRN/BA) 2019

Cargo: Médico Especialista em Endocrinologia / Questão 36

Banca: Fundação CEFETBAHIA / Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (CEFETBAHIA)

Nível: Superior

A alternativa que preenche, corretamente, a lacuna do trecho acima é

  • A. LH e FSH reduzidos
  • B. GH e IGF-1 reduzidos
  • C. Aldosterona e Renina reduzidas
  • D. DHEA e Cortisol basal reduzidos
  • E. ACTH e Cortisol basal reduzidos