Medicina Especialidade Endocrinologia

Mulher de 42 aos foi tratada há cinco anos de um linfoma mediastinal com radioterapia e quimioterapia. Evolui livre de doença desde então, mas há três meses começou a fadiga, dificuldade de concentração e sensibilidade ao frio.

Apresenta exames de imagem normais e os testes laboratoriais iniciais mostram anemia discreta e hipercolesterolemia.

A próxima abordagem diagnóstica mais provável, para esclarecer o quadro clínico atual da paciente, deve ser

  • A. PET-Scan.
  • B. biópsia linfonodal.
  • C. cintilografia óssea
  • D. biópsia da medula óssea.
  • E. dosagem sérica do TSH.