Medicina Especialidade Oncologia (Cancerologia Clínica)

Um paciente de 35 anos de idade, obeso, hipertenso e tabagista, foi diagnosticado com hérnia hiatal há cerca de três anos (nunca deu seguimento ao acompanhamento médico após o diagnóstico). Ele então compareceu ao consultório médico, queixando-se de episódios de pirose e dor epigástrica pelo menos uma vez por semana, nos últimos oito meses.

Em relação ao caso clínico descrito e considerando os conhecimentos médicos correlatos, julgue os itens a seguir.

Se o paciente apresentasse migração da junção esofagogástrica em direção cefálica pelo hiato esofágico, a hérnia dele seria classificada como hérnia hiatal tipo III ou deslizante.
  • C. Certo
  • E. Errado