Medicina Especialidade Oncologia (Cancerologia Clínica)

A paralisia periódica hipocalêmica familiar é a mais comum das paralisias periódicas. É uma condição clínica resultante de mutações que provocam despolarização persistente nas fibras musculares, resultando em fraqueza.

No que concerne a esse tema, julgue os itens de 89 a 93.

Hipoaldosteronismo e hipotireoidismo são condições clínicas que podem simular os sintomas da paralisia periódica hipocalêmica.
  • C. Certo
  • E. Errado