Medicina Especialidade Pediatria

Considere que um paciente do sexo feminino, 9 anos de idade, previamente hígida, chega à emergência levada pela mãe. Chega sonolenta, febril e hipotônica, e a mãe relata que a filha apresentou episódio de convulsão, tonico-clônica, os movimentos iniciaram em membro superior esquerdo e, após alguns minutos, a crise generalizou-se. Teve duração de pelo menos 5 minutos. No caminho entre a casa e a emergência, a criança apresentou novo episódio, idêntico ao primeiro. Ao exame físico, apresenta torpor, Tax = 39 ºC, oroscopia e otoscopia normais, sem sinais de meningismo ou esforço ventilatório.

Em relação ao caso clínico apresentado, julgue os itens a seguir.

A manifestação da crise, com reentrância em menos de 24 horas, reforça a hipótese de convulsão febril.
  • C. Certo
  • E. Errado