Medicina Especialidade Psiquiatria

Um paciente de dezenove anos de idade, com histórico de alterações de comportamento havia cerca de um mês, compareceu a um pronto-socorro acompanhado pela mãe. Ele parou de frequentar a faculdade, não dormia à noite e estava sempre muito apreensivo. O paciente dizia que estava sendo espionado pela Polícia Federal por estar sendo confundido com um traficante. Fechava todas as janelas de casa, ficava o dia todo trancado no quarto dizendo que queriam assassiná-lo. A mãe relatou que ele fazia uso esporádico de maconha, mas garante que nos últimos meses ele não havia usado drogas, o que foi confirmado pelo exame toxicológico. Os exames físicos e laboratoriais não mostraram alterações. O humor não estava polarizado.

Considerando o caso clínico apresentado, julgue os itens subsequentes.

O início abrupto dos sintomas psicóticos do paciente indica um melhor prognóstico.
  • C. Certo
  • E. Errado