Medicina Especialidade Medicina Nuclear Radiologia

Em um paciente com insuficiência renal crônica e queixa de dispneia progressiva, a tomografia computadorizada demonstrou calcificações amorfas, com 3 a 10 mm de diâmetro, centrolobulares e predominando nos ápices, além de opacidades em vidro fosco esparsas e calcificações de pequenos vasos na parede torácica e no coração. Não há linfonodomegalias. Tal quadro sugere o diagnóstico de:
  • A. talcose
  • B. silicose
  • C. sarcoidose
  • D. calcificação pulmonar metastática