Medicina Especialidade Cirurgias Transplante

Em consulta de rotina, uma mulher jovem, caucasiana, com diagnóstico de hipertensão arterial há três meses, em uso de indapamida 2.5 mg/dia e losartana 50 mg 12 horas/12 horas, apresentou pressão arterial de 160 mmHg x 110 mmHg, apesar de relatar uso correto das medicações e níveis pressóricos adequados em medidas domiciliares. Na avaliação laboratorial, verificam-se os seguintes resultados: Cr = 1.3 mg/dL; Ur = 40 mg/dL; Na+ = 136 mEq/L; k+ = 3.8 mEq/L; ácido úrico = 7.9 mg/dL; relação aldosterona/atividade de renina plasmática reduzida; sumário de urina = hematúria 1+, sem outras alterações. Com base nesse caso clínico, julgue os itens a seguir. Hipertensão renovascular secundária a displasia fibromuscular é uma provável etiologia diagnóstica, e uma angiotomografia computadorizada deve ser solicitada.
  • C. Certo
  • E. Errado