Paciente masculino, de 32 anos, tabagista, apresenta dor e impotência funcional nos quirodáctilos de ambas as mãos, associadas a fenômeno de Raynaud e tromboflebite superficial de caráter migratório. O exame físico revela pulso braquial presente e pulsos radial e ulnar ausentes bilateral mente, além de atrofia ungueal. Foi feito o diagnóstico de Doença de Buerger. A medida considerada fundamental para o tratamento é:
  • A. heparinização plena.
  • B. abstinência do tabaco.
  • C. prednisona 1 mg/kg.
  • D. antibioticoterapia venosa.
  • E. antiagregaçãoplaquetária.