Um homem de 53 anos com múltiplos fatores de risco para doença coronariana, incluindo hipertensão arterial, dislipi­ demia e tabagismo, relata história de seis meses de dispneia e dor torácica aos esforços. Ele também relata ortopneia e dispneia paroxística noturna. O ecocardiograma mostra di­ latação severa do VE, fração de ejeção de 20% e hipocinesia ventricular difusa. O ECG é normal. Seu próximo passo na investigação diagnóstica será:

  • A.

    Holter

  • B.

    Teste ergométrico com consumo de 02.

  • C.

    Cineangiocoronariografia.

  • D.

    Ventriculografia radioisotópica

  • E.

    Avaliação para transplante cardíaco.