Em paciente de 67 anos foi encontrado um nódulo tireoidiano durante a realização de exame ultrassonográfico de pescoço para pesquisa de placas ateromatosas em artéria carótida. Esse nódulo mede 9 mm, é sólido, hipoecogênico, de limites imprecisos e com microcalcificações .Para esse caso, amelhor conduta ?

  • A.

    realizar cintilografia da tireoide inicialmente, pois sendo "frio" auxiliará o diagnóstico.

  • B.

    encaminhar para punção aspirativa com agulha fina, pois tem chance de ser maligno.

  • C.

    iniciar L-tiroxina para se verificar a resposta quanto ao crescimento do nódulo.

  • D.

    repetir a ultrassonografia para seguimento do nódulo.

  • E.

    realizar tireoidectomia devido à chance de malignidade