A síndrome nefrótica pode ser primária ou associada a várias doenças sistêmicas (LES, diabete melito, sífilis, hepatite, SIDA, toxoplasmose, CMV, malária, linfoma) ou a uso de drogas e exposição a metais pesados. Sobre esta patologia podemos afirmar, EXCETO:

  • A.

    A criança nefrótica tem maior risco de infecções, em especial peritonites.

  • B.

    Os pacientes nefróticos apresentam risco de complicações tromboembólicas

  • C.

    A droga de escolha para o início do tratamento é o corticóide prednisona.

  • D.

    A restrição de líquidos é necessária devido ao edema importante e hipernatremia.