Questões de Concursos Prefeitura de Mojuí - PA

Ver página Prefeitura de Mojuí - PA Navegar questão a questão

Questão de Concurso - 1045090

Concurso Enfermeiro 2015

Questão 1

Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (FADESP)

Nível Superior

Se tivéssemos de incluir o texto “Meninxs, eu vi!” em uma área de conhecimento, escolheríamos uma coluna com o título
  • A. “Ciência e Cultura”.
  • B. “Educação e Literatura”.
  • C. “Língua Portuguesa e Linguística”.
  • D. “Discriminação e Comportamento”.

Questão de Concurso - 1045091

Concurso Enfermeiro 2015

Questão 2

Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (FADESP)

Nível Superior

Sírio Possenti constrói sua argumentação com o propósito de
  • A. criticar a visão de gênero defendida pela gramática.
  • B. elogiar a iniciativa do colégio D. Pedro II do Rio de Janeiro.
  • C. discutir as relações entre gênero gramatical e gênero social.
  • D. incentivar a troca de palavras marcadas negativamente por outras mais amigáveis.

Questão de Concurso - 1045092

Concurso Enfermeiro 2015

Questão 3

Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (FADESP)

Nível Superior

O autor posiciona-se francamente contra o (a)
  • A. discriminação sexual.
  • B. feminismo e a igualdade de gêneros.
  • C. escrita artificial proposta pelo colégio D. Pedro II.
  • D. tese de que não há masculino e feminino em português.

Questão de Concurso - 1045093

Concurso Enfermeiro 2015

Questão 4

Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (FADESP)

Nível Superior

Segundo Sírio Possenti, a iniciativa do colégio D. Pedro II vem de encontro à gramática porque, contrariamente ao que propõe,
  • A. a noção de gênero gramatical independe da noção de sexo.
  • B. a relação entre gênero gramatical e gênero social é biunívoca.
  • C. as noções de gênero gramatical e gênero social se equivalem.
  • D. não é possível incluir todos os gêneros em comunicados oficiais.

Questão de Concurso - 1045094

Concurso Enfermeiro 2015

Questão 5

Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (FADESP)

Nível Superior

Há passagens no texto cuja ironia provoca o riso do leitor, como, por exemplo,
  • A. “A solução tem vários problemas, a despeito das boas intenções – o inferno, como se sabe... ” (l. 7 e 8).
  • B. “Sua tese é que não há masculino e feminino em português, mas apenas palavras marcadas e não marcadas quanto ao gênero” (l. 33 a 35).
  • C. “Palavras marcam certas culturas. Eventualmente, culturas definem seu gênero: ‘arte’ é feminino em português (a arte), masculino em espanhol (el arte)” (l. 20 e 30).
  • D. “É comum que se fale de animais genericamente por meio da palavra gramaticalmente masculina: (carne de) porco, (asa de) frango, (costela de) boi etc.” (l. 19 e 20).

Questão de Concurso - 1045095

Concurso Enfermeiro 2015

Questão 6

Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (FADESP)

Nível Superior

O autor deixa, intencionalmente, incompletas certas passagens do texto para que o leitor as complete. O trecho em que a informação subentendida não está explicitada corretamente é
  • A. “mas o que se diz que devem ser ou fazer” (l. 26).
  • B. “o inferno, como se sabe, está cheio de boas intenções” (l. 8).
  • C. “Os alunos devem considerar que as mulheres são humanas” (l. 24).
  • D. “Mas considere ‘criança’: é um exemplo claro de que as noções de gênero gramatical e gênero social são distintas” (l. 15).

Questão de Concurso - 1045096

Concurso Enfermeiro 2015

Questão 7

Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (FADESP)

Nível Superior

Na linha 20, a enumeração que segue os dois-pontos
  • A. lista substantivos genéricos comuns de dois gêneros.
  • B. traz um esclarecimento a respeito das relações hiperonímicas.
  • C. ilustra questões referentes à tese contrária à de Sirio Possenti.
  • D. acrescenta exemplos que confirmam a argumentação do autor.

Questão de Concurso - 1045097

Concurso Enfermeiro 2015

Questão 8

Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (FADESP)

Nível Superior

Embora não exista um conectivo marcando a relação entre os enunciados “Palavras marcam certas culturas” e “Eventualmente, culturas definem seu gênero: ‘arte’ é feminino em português (a arte), masculino em espanhol (el arte)” (l. 29 a 30), pode-se inferir que o
  • A. segundo enunciado restringe a informação expressa no primeiro.
  • B. primeiro enunciado revela a causa da informação expressa no segundo enunciado.
  • C. primeiro enunciado apresenta uma ideia contrária à apresentada no enunciado que o segue.
  • D. segundo enunciado adiciona uma nova informação, complementando o primeiro enunciado.

Questão de Concurso - 1045098

Concurso Enfermeiro 2015

Questão 9

Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (FADESP)

Nível Superior

Os dicionários de Língua Portuguesa registram várias acepções do vocábulo “pletora” (l. 4). A acepção coerente quanto às ideias desenvolvidas no texto é
  • A. superabundância de vitalidade, de energia.
  • B. vitalidade que se manifesta no comportamento.
  • C. superabundância ou excesso de qualquer coisa.
  • D. mal-estar resultante de excesso de trabalho, de atividade.

Questão de Concurso - 1045099

Concurso Enfermeiro 2015

Questão 10

Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (FADESP)

Nível Superior

A passagem do texto em que o autor contrapõe duas ideias que considera diferentes é
  • A. “Uma boa causa, como o feminismo e a igualdade de gêneros, merece argumentos melhores” (l. 41 e 42).
  • B. “Não é fácil sustentar que, em um caso, se trata de feminino ou de masculino para além do gênero gramatical” (l. 30 a 32).
  • C. “Sua tese é que não há masculino e feminino em português, mas apenas palavras marcadas e não marcadas quanto ao gênero” (l. 33 a 35).
  • D. “Uma coisa é lutar para que certas palavras marcadas negativamente sejam trocadas por outras, mais amigáveis. Outra é querer resolver o problema no interior da gramática” (l. 27 e 28).