Sociologia (Ciências Sociais) Teorias sociológicas e Autores Teoria da estruturação

As análises da indústria cultural empreendidas pelos alemães Theodor W. Adorno e Max Horkheimer partiram das relações entre cultura e ideologia nas sociedades capitalistas de meados do século XX e consistiram em inúmeras considerações sobre as mudanças nas concepções artísticas e sua imbricação com o mercado e o consumo de bens culturais. Referente à “indústria cultural”:

  • A. incentiva a diversidade das produções, em detrimento da imitação, e isso eleva o estilo artístico a uma categoria central na análise e contemplação das obras de arte.
  • B.

    as expressões artísticas, ao se constituírem como negócios, incorporam, explicitam e legitimam a dominação exercida sobre a sociedade pelo poder econômico, esvaziando a crítica a esse sistema social subjacente às obras de arte.

  • C.

    promove uma regressão na qualidade estética das obras porque o público não está preparado para apreciar e compreender o que é mais complexo e intricado.

  • D.

    as atividade de lazer se descolam das atividade produtivas pela ampliação das possibilidades de escolha no tempo livre, o que exige certo esforço intelectual e atenção aos mínimos detalhes das ofertas de entretenimento.

  • E.

    recusa a padronização e a produção em série dos bens culturais, demonstrando seu caráter não alienado.