Questões de Concurso de Pierre Bourdieu - Sociologia (Ciências Sociais)

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão de Concurso - 838610

Concurso DPU Sociólogo 2015

Questão 111

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

A respeito da sociologia jurídica e da antropologia jurídica, julgue os próximos itens. Entre os autores que aportaram contribuições significativas à sociologia jurídica, destaca-se o sociólogo francês Pierre Bourdieu, que forneceu elementos teóricos para a análise do discurso jurídico como exercício do poder simbólico.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 966235

Concurso SEDUC Professor - Área: Sociologia 2017

Questão 74

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

Tendo o fragmento de texto apresentado anteriormente como referência inicial e considerando as reflexões contemporâneas sobre classes sociais e estilo de vida, julgue os itens subsequentes.

A sociologia de Pierre Bourdieu tem como o cerne a distinção entre diversas formas de capital: o principal objetivo do autor é identificar o modo como se correlacionam essas formas para constituir a mais importante entre elas, que ele denomina capital fundamental.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 966239

Concurso SEDUC Professor - Área: Sociologia 2017

Questão 78

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

Com base na perspectiva do sociólogo Pierre Bourdieu, que teorizou a respeito das formas de reprodução das desigualdades sociais em ambiente escolar, julgue os itens seguintes. Para o autor, as diferenças de acúmulo de capital econômico são a principal causa das desigualdades sociais.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 1002989

Concurso IPHAN Técnico I - Área Ciências Sociais 2018

Questão 112

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

Tendo como referências iniciais as informações e o tema do texto anteriormente apresentado, julgue os itens subsecutivos.

Os estudos de Pierre Bourdieu sobre estratificação social não contemplam questões de patrimônio cultural, o que o torna datado para se pensar questões de hierarquia na seleção dos bens patrimoniáveis no Brasil.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 828817

Concurso SME Professor de Ensino Fundamental II e Médio - Área Sociologia 2016

Questão 52

Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível Superior

Analise os trechos a seguir.

I. Formas de poder exercidas pelos sujeitos dominantes sem a ação física direta, mas pela imposição de uma visão de mundo, dos papéis sociais, das categorias cognitivas, das estruturas mentais por meio das quais o mundo é percebido e pensado.

II. Mecanismo de poder no qual técnicas disciplinares de controle concorrem para o estabelecimento de um padrão de normalidade que é, ao mesmo tempo, um dispositivo de poder e uma forma de saber.

Os trechos citados descrevem, respectivamente, dois conceitos sociológicos definidos como

  • A. naturalização e coerção social.
  • B. violência simbólica e disciplina.
  • C. ideologia e subordinação.
  • D. mais-repressão e punição.
  • E. habitus e normalização.

Questão de Concurso - 838575

Concurso DPU Sociólogo 2015

Questão 76

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

A perspectiva sociológica no mundo contemporâneo se caracteriza pela rica diversidade de posicionamentos teóricos e metodológicos. As obras de Norbert Elias, Anthony Giddens, Pierre Bourdieu, Bruno Latour e Zygmunt Bauman estão, certamente, entre as mais consagradas e influentes da atualidade. Julgue os seguintes itens, relativos às ideias sociológicas desses autores. A Pierre Bourdieu e a Anthony Giddens devem-se relevantes discussões sobre o lugar das condições estruturais e da agência humana na explicação dos fenômenos sociais.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 838576

Concurso DPU Sociólogo 2015

Questão 77

Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE/CEBRASPE)

Nível Superior

A perspectiva sociológica no mundo contemporâneo se caracteriza pela rica diversidade de posicionamentos teóricos e metodológicos. As obras de Norbert Elias, Anthony Giddens, Pierre Bourdieu, Bruno Latour e Zygmunt Bauman estão, certamente, entre as mais consagradas e influentes da atualidade. Julgue os seguintes itens, relativos às ideias sociológicas desses autores. As ideias de poder simbólico, habitus, campo, capital social e violência simbólica foram formuladas por Giddens em sua obra A constituição da sociedade.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão de Concurso - 1042399

Concurso IFSP Professor de Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico 2018

Questão 11

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP)

Nível Superior

Sobre o conceito de capital social desenvolvido pelo sociólogo francês Pierre Bourdieu (1930-2002), é possível afirmar que:

  • A.

    A noção de capital social impôs-se, primeiramente, como uma hipótese dispensável para dar conta da desigualdade de desempenho escolar de crianças provenientes das diferentes classes sociais.

  • B.

    O capital social é o conjunto de recursos atuais ou potenciais que estão ligados à posse de uma rede durável de relações mais ou menos institucionalizadas de “interconhecimento” e “inter-reconhecimento”.

  • C.

    A noção de capital social impôs-se como, entre os diferentes meios de designar o fundamento de efeitos sociais, um determinante que não considera o capital econômico e cultural dos diferentes grupos.

  • D.

    O volume do capital social que um agente individual possui independe da extensão da rede de relações que ele pode efetivamente mobilizar e do volume do capital (econômico, cultural ou simbólico) que é posse exclusiva de cada um daqueles a quem está ligado.

Questão de Concurso - 1109814

Concurso IFPR Professor - Área: Sociologia 2019

Questão 29

Fundação de Apoio ao Desenvolvimento Unicentro (FAU)

Nível Superior

A sociologia nasceu em um ambiente capitalista e continua produzindo suas análises e categorias em um estágio avançado de capitalismo. Talvez por isso, Pierre Bourdieu tenha afirmado que é papel da sociologia compreender a cultura vigente, pois a mesma é central no processo de dominação. De qualquer forma, emprestar sentido a tudo o que nos atinge é papel da sociologia contemporânea e, em especial, emprestar sentido a tudo o que atinge a relação sociedade e educação é papel da sociologia da educação. Sobre a reflexão sociológica e o objeto da mesma no tempo presente, anote a única considerada INCORRETA:

  • A.

    Partimos do raciocínio de que a realidade social existe e está aí e, portanto, não é um abstrato qualquer. Nesse sentido, a sociologia não pode ser uma atividade leviana ou uma perfumaria e que a regra de ouro do pensamento sociológico não é agradar ou ser ‘politicamente correto’, mas sim elaborar proposições razoáveis, compreensíveis, capazes de nos ajudar a compreender melhor os fenômenos sociais.

  • B.

    Precisa-se considerar a tese de que não existe apenas uma tradição sociológica, mas sim um mosaico ou um campo de opções disponíveis aos sociólogos de plantão. Assim, não há dúvida de que o ofício da sociologia é uma tarefa interminável sobre a vida social.

  • C.

    No tempo presente os temas mais recorrentes da sociologia contemporânea estão envoltos em pesquisas sobre a atual sociedade pós-industrial e suas transformações, a saber: a religião e o debate da secularização; o papel do mercado e suas variáveis; a política de gênero; trabalho e violência; tecnologia e virtualidade, dentre tantas outras temáticas que podem ser fragmentadas em cada tema e sub-tema.

  • D.

    A sociologia contemporânea tem se ocupado de uma única tarefa, uma vez que considera temas que apenas o homem comum problematiza em seu dia-dia. Ao concentrar-se sobre os temas comuns, tem sido negligente com temas de especialidades e com temas de entendimento maior.

  • E.

    A vida social é um grande laboratório e que precisa ser interpretada por sociólogos de plantão que querem compreender o real sentido do que se faz e do que não se faz quando o assunto é a vida em sociedade.

Questão de Concurso - 1083084

Concurso IFSP Professor de Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico 2018

Questão 39

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP)

Nível Superior

“A instituição escolar constitui-se como um dos principais espaços de socialização secundária ao cumprir o papel de reprodução da sociedade da qual faz parte e de seus mecanismos de dominação. A ação pedagógica desenvolvida na instituição escolar cumpre esse papel, por intermédio de processos de dominação cujo objetivo é a imposição de um determinado arbitrário cultural. A produtividade do trabalho pedagógico pode ser medida pela intensidade em que consegue inculcar nos destinatários o arbitrário cultural que se propôs reproduzir e pela capacidade de transferir esse habitus constituído para a maior quantidade de situações e campos diferentes... (BOURDIEU, 1992)”.

(SILVA, Luís Gustavo Alexandre da. Cultura e instituição escolar: os processos de dominação e a organização, gestão e práticas docentes. Tese de Doutorado. Universidade Federal de Goiás, Faculdade de Educação, 2009).

Tendo como referência os conceitos teóricos elaborados por Pierre Bourdieu, a instituição escolar:

  • A.

    Por meio da inculcação, promove condições para que alunos oriundos das classes subalternas superem sua posição de classe de origem ao adotarem os símbolos culturais utilizados pelas elites para manterem sua posição de superioridade.

  • B.

    É o lócus de uma violência cultural contra as camadas populares, pois corporifica mecanismos através dos quais transforma as diferenças iniciais – resultado da transmissão familiar e herança cultural – em desigualdades.

  • C.

    Faz parte da superestrutura de controle usada pelas classes dominantes para impor suas concepções de mundo aos trabalhadores, promovendo uma falsa consciência que as impede de perceber os interesses de sua classe.

  • D.

    Define as qualificações específicas dos indivíduos a serem examinadas para obtenção do consentimento dos demais membros da sociedade como uma das maneiras pelas quais os homens livres possam aumentar o seu bem-estar.