Sociologia (Ciências Sociais) Sociologia Jurídica

O sistema partidário brasileiro

  • A.

    é um bipartidarismo, já que o poder está polarizado nas mãos de dois partidos principais.

  • B.

    é um transpartidarismo, já que os membros dos partidos políticos mudam de partido frequentemente.

  • C.

    é um pluripartidarismo, pois existem múltiplas agremiações político-partidárias.

  • D.

    admite por princípio a criação de partidos que não tenham caráter nacional.

  • E.

    admite partidos que recebam recursos de empresas ou governos estrangeiros.