Legislação dos Órgãos ÓRGÃOS FEDERAIS Ministérios Ministério da Educação - MEC Conselho Nacional de Educação - Câmara de Educação Básica - CNE/CEB Legislação Aplicada CNE/CEB

De acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais, as práticas pedagógicas que compõem a proposta curricular da Educação Infantil devem ter como eixos norteadores

  • A.

    as interações e a brincadeira, e garantir experiências que favoreçam a imersão das crianças nas diferentes linguagens e o progressivo domínio por elas de vários gêneros e formas de expressão: gestual, verbal, plástica, dramática e musical.

  • B.

    os cuidados com a higiene e alimentação e auto-organização, sobretudo, para as crianças de até 3 anos. Gradativamente, as creches vêm se modificando no sentido de se transformarem em proposta de política pública nos setores de educação, nutrição e saúde. Nas últimas décadas, é crescente o número de crianças que recebem diariamente cuidados fora do lar de forma coletiva, o que exige medidas de prevenção para evitar a transmissão de doenças nesses ambientes.

  • C.

    a individualidade e a singularidade, e possibilitar experiências que promovam o conhecimento de si por meio da ampliação de experiências sensoriais, expressivas, corporais, que possibilitem movimentação ampla, expressão do individualismo infantil e respeito pelos ritmos e desejos de cada criança. Na perspectiva descrita, não comporta experiências de conhecimento de mundo e do ambiente, dada a faixa etária dos alunos.

  • D.

    os conteúdos curriculares e extracurriculares e garantir experiências que possibilitem as crianças maiores a se alfabetizar em Língua Portuguesa, Matemática e a desenvolver a oralidade e a oratória.